Sébastien Ogier completa formação de pilotos da Richard Mille Racing para o WEC

(Foto: Divulgação)

O campeão mundial de rali Sébastien Ogier, foi anunciado nesta segunda-feira, 31, como o piloto da equipe Richard Mille Racing Team na categoria LMP2 do Campeonato Mundial de Endurance para 2022.

Lançada em 2020, a Richard Mille Racing Team entrará agora em sua terceira temporada em corridas de endurance e  sua segunda participação no WEC com o oreca 07 #1. A equipe contará com uma nova formação mista de pilotos, combinando ambição, experiência e talento.

Ogier terá a companhia de Lilou Wadoux, a primeira mulher a vencer a corrida Alpine Elf Europa Cup. Wadoux e Ogier serão companheiros de Charles Milesi, que venceu três corridas com o Team WRT no ano passado, incluindo as 24 Horas de Le Mans em sua temporada de estreia no WEC. Milesi também ajudou a equipe belga a vencer o campeonato de equipes da LMP2 no ano passado, e foi selecionado pelo WEC em seu “Teste de Estreante” anual para testar o Hypercar da Toyota após o final da temporada no Bahrein.

Ogier, que venceu um total de 54 eventos do WRC, também esteve presente no Bahrein para testar o Toyota GR010 Hybrid Hypercar, mas Sebring marcará a estreia do francês no WEC.

Os três pilotos franceses poderão contar com a experiência da equipe Signatech gerenciada por Philippe Sinault, estrutura que conquistou dois títulos mundiais e três vezes as 24 Horas de Le Mans em LMP2 nos últimos seis anos.

“Até agora, concentrei-me na minha carreira no rali, mas há muito que penso que as corridas de resistência podem ser um bom desafio. A classe LMP2 é uma categoria fantástica e a melhor maneira de alcançar o mais alto nível de corrida de resistência e melhorar nesta categoria. Eu sou um novato, com certeza, mas quero me divertir enquanto avalio o que é possível e vejo o quão perto posso chegar do melhor. Todo mundo está animado com isso. Charles, Lilou e eu viemos de três mundos diferentes, e será interessante combinar nossas diferentes experiências com Richard Mille, que está ao meu lado há vários anos. Esta aventura é tentadora, mas estou ciente de que tenho muito a aprender e muita experiência a ganhar. Sempre tive uma boa capacidade de adaptação no rali, por isso espero que isso também seja verdade nas pistas de corrida”, explicou Oringer. 

A temporada 2022 do WEC começará em Sebring, Flórida, em pouco mais de um mês com o Prólogo seguido pelas 1000 Milhas de Sebring (16 a 18 de março).

Written by Fernando Rhenius
Jornalista MTb 6873/SC, formado pela Universidade do Vale do Itajaí - Univali. Mantem o site Bongasat.com.br desde 2009 de forma independente. Acredita que a informação, precisa ser divulgada de forma rápida, para que o leitor possa criar seu ponto de vista, e fugir de "especialistas" que povoam a imprensa automobilística no pais.