Alpine vence as 6 Horas de Monza pelo Mundial de Endurance

Alpine vence as 6 Horas de Monza pelo Mundial de Endurance

(Foto: Alpine)

A equipe Alpine venceu na tarde deste domingo, 10, a etapa de Monza do Mundial de Endurance. Os pilotos André Negrão, Nicolas Lapierre e Matthieu Vaxiviere aumentaram sua vantagem de pontos, liderando a classe Hypercar.

Nesse sentido, o Alpine #36 conquistou a vitória na corrida à frente do #8 da Toyota de Ryo Hirakawa, Brendon Hartley e Sebastien Buemi. As primeiras horas de prova tiveram a liderança da equipe Glickenhaus. O brasileiro Pipo Derani mostrou um bom ritmo e o carro parecia invencível.

Peugeot estreia mas fica longe da vitória. (Foto: Divulgação)

Contudo, tudo se perdeu, quando Derani foi forçado a cumprir um pênalti por uma infração durante uma bandeira amarela. Ainda sim, a equipe abandonou quando uma falha repentina no turbocompressor apareceu.

Resultado final 

A equipe Peugeot que estreou em Monza, também teve problemas de desempenho e confiabilidade. A batalha evoluiu para uma briga entre Alpine e a Toyota. 

Leia também: IDEC Sport vence as 4 Horas de Monza pelo ELMS

Na quinta hora, o Toyota #7 de Kamui Kobayashi, Mike Conway e José Maria Lopez assumiu a liderança, com o #8 o Alpine em terceiro. Vaxiviere posteriormente abriu caminho de volta, ultrapassando o carro #8 de Ryo Hirakawa antes de se envolver em uma longa batalha com Kobayashi que culminou com um contato na reta principal, causando um furo no pneu do Hypercar japonês. 

Depois que o Toyota nº 7 também foi punido pelo incidente, deixou a Alpine livre para reivindicar sua segunda vitória da temporada.

Luta na classe LMP2

WRT vence na classe LMP2. (Foto: Brecht Decancq)

A equipe WRT conquistou a primeira vitória da temporada com o Oreca #41 de Rui Andrade, Ferdinand Habsburg e Norman Nato. Eles foram superiores ao #38 da equipe JOTA de Antonio Felix da Costa, Roberto Gonzalez e Will Stevens.

A equipe belga abriu caminho na corrida e liderou nas primeiras horas. O Oreca #22 da United Autosports, um dos primeiros líderes, encontrou problemas no sensor de aceleração e desistiu da disputa. 

Nesse ínterim, o carro da JOTA liderou boa parte da prova, antes de ser eliminado quando Jonathan Aberdein fez contato com o Porsche 911 RSR-19 #92 de Kevin Estre enquanto Aberdein estava em quarto lugar, embora ainda na disputa pela vitória.

Depois disso, o segundo carro da equipe assumiu a liderança até que uma parada mais curta para Habsburg viu o austríaco à frente de Stevens. Com o britânico incapaz de diminuir a diferença. Habsburg conquistou a vitória.

A Vector Sport conquistou seu primeiro pódio no campeonato com Nico Mueller, Sebastien Bourdais e Ryan Cullen em terceiro no Oreca #10. A Inter Europol Competition terminou em quarto, com o LMP2 #23 da United Autosports completando os cinco primeiros.

Corvette vence na classe GTE-Pro

Corvette vence na classe GTE-Pro. (Foto: Divulgação)

A Corvette Racing conquistou sua primeira vitória na classe fora das 24 Horas de Le Mans. Nick Tandy e Tommy Milner estavam em segundo  C8.R #64 e pareciam prontos para terminar no pódio quando o Ferrari 488 GTE Evo #52 de Miguel Molina e Antonio Fuoco teve que parar para completar o combustível.

Assim, a Ferrari #52 liderou o depois que seu carro-irmão cumpriu uma penalidade por uma infração técnica, que derrubou o carro para o terceiro lugar depois de liderar grande parte das primeiras trocas. A partir daí, Alessandro Pier Guidi passou a travar uma batalha contra o Porsche nº 92 de Estre.

Porsche vence na classe GTE-Am. (Foto: Divulgação Porsche)

O francês acabou sendo penalizado por contato com Pier Guidi, bem como o incidente anterior com Aberdein, do JOTA. Estre e Michael Christensen terminam em quarto, enquanto Gianmaria Bruni e Fred Makowiecki completam os cinco primeiros.

A Dempsey-Proton Racing venceu o GTE-Am, com o Porsche #77 de Christian Ried, Harry Tincknell e Sebastian Priaulx vencendo em uma corrida que foi marcada por um grande acidente com o Aston Martin #33 da TF Sport Aston  conduzido por Henrique Chaves.

 

Chaves, juntamente com Ben Keating e Marco Sorensen, liderou a primeira metade da corrida depois de assumir a liderança da classe da equipe Iron Dames, que marcou a pole.  Rahel Frey, Sarah Bovy e Michelle Gatting. As meninas terminaram em segundo. 

Por fim, o terceiro lugar é do Porsche #46 do Team Project 1, de Matteo Cairoli, Mikkel Pedersen e Niki Leutwiler.

 

Published
4 semanas ago
Comments
No Comments
Written by Fernando Rhenius
Jornalista MTb 6873/SC, formado pela Universidade do Vale do Itajaí - Univali. Mantem o site Bongasat.com.br desde 2009 de forma independente. Acredita que a informação, precisa ser divulgada de forma rápida, para que o leitor possa criar seu ponto de vista, e fugir de "especialistas" que povoam a imprensa automobilística no pais.