Vanwall LMH realiza testes bem sucedidos em Lausitzring

Vanwall LMH realiza testes bem sucedidos em Lausitzring

(Foto: Divulgação)

O LMH da Vanwall completou uma bateria de testes no circuito de Lausitzring, na Alemanha. A Princípio, de acordo com o chefe da equipe, Boris Bermes, o resultado foi positivo. 

Assim, o protótipo com um motor Gibson V8.  O carro completada 270 voltas na última quarta e quinta-feira. Contudo, o LMH competirá no Mundial de Endurance em 2023.

Portanto, esse foi o segundo teste de pista do carro. Fizemos mais de 270 voltas e testamos muitas coisas”, disse Bermes ao site Sportscar365.

“Coletamos muitos dados sobre a aerodinâmica e confiabilidade, que era o principal objetivo deste teste. Foi muito, muito positivo novamente. Fizemos corridas longas e fizemos corridas curtas. O objetivo era ganhar confiabilidade”. 

“Estamos constantemente obtendo novos bits para testar. O Lausitzring foi um teste muito bom porque a temperatura na quarta-feira estava extrema, mais de 40 graus. Na quinta-feira, fazia 35 graus caindo para 30, então isso foi extremamente positivo para aprender, porque era a condição de temperatura mais difícil que você poderia obter”, enfatizou.

Leia também:

Bermes explicou que a diferença de três meses entre os testes de Most e Lausitzring se dá pois a  ByKolles se concentrar em partes do processo de homologação da FIA para carros da LMH.

Nesse, sentido, ele declarou que o Vanwall Vandervell LMH completou seu teste de colisão obrigatório em maio.

“Estávamos fazendo a homologação da FIA no período com todos esses testes de segurança”, disse Bermes.

Isso foi programado com muito tempo de antecedência. Tivemos que verificar a disponibilidade de pistas, o que dificultou um pouco”.

“Não foi planejado fazer uma pausa por 15 semanas. Foi planejado ter um intervalo de sete ou oito semanas.”

O ex-piloto da ByKolles LMP1, Dillmann, que completou seus primeiros quilômetros no Vanwall LMH, ficou satisfeito com a confiabilidade do carro neste ponto inicial da fase de testes em pista.

Pilotos satisfeitos com o Vanwall

Desse modo, o outro piloto de testes da ByKolles na LMH, Esteban Guerrieri, estava em serviço na Most, enquanto o vencedor das 24 Horas de Le Mans de 1993, Christophe Bouchut, fez o primeiro shakedown.

“Estávamos fazendo muita quilometragem e não tivemos problemas”, disse Dillmann ao Sportscar365.

“Estávamos tentando resolver problemas fazendo muita quilometragem todos os dias, mas até agora nada aconteceu”.

“Então, estamos passando pela configuração, níveis de downforce, etc. para aprender sobre o carro e obter a correlação com as simulações corretas. Coisas normais quando você tem um carro novo”.

“Mas o principal, todos os dias, é tentar maximizar a quilometragem. Corremos das 9 às 5 sem parar. Acabei de sair do carro por uma hora para almoçar! Isso foi um bom começo”, finalizou. 

Published
2 semanas ago
Comments
No Comments
Written by Fernando Rhenius
Jornalista MTb 6873/SC, formado pela Universidade do Vale do Itajaí - Univali. Mantem o site Bongasat.com.br desde 2009 de forma independente. Acredita que a informação, precisa ser divulgada de forma rápida, para que o leitor possa criar seu ponto de vista, e fugir de "especialistas" que povoam a imprensa automobilística no pais.