CEO da Alpine descarta programa Hypercar

(Foto: Alpine)

Mesmo depois de pódio nas 24 Horas de Le Mans, o CEO da Alpine, Luca de Meo, afirmou que a marca irá privilegiar o programa na F1.Com o apoio técnico da Signatech, a Alpine terminou em terceiro na classe Hypercar em Le Mans, no mês passado.

Com o anúncio de vários fabricantes ingressando na classe nos próximos no Mundial de Endurance (Peugeot, Ferrari, Porsche e Audi), a expectativa era de que o construtor francês, pudesse desenvolver um Hypercar. 

A prioridade da Alpine é a Fórmula 1, onde é muito difícil ser competitivo,” disse De Meo à edição italiana do Motorsport.com . “A partir de 2022, talvez possamos nos posicionar melhor”, explica.

“Hoje somos estruturalmente o quinto ou o sexto mais rápido do grid (F1) porque temos um projeto que não nasceu… super saudável”. 

“Vamos ajustar algumas coisas para nos tornarmos competitivos. Mas a F1 é o nível mais alto do automobilismo – quando você vê que na qualificação em Barcelona por um décimo de segundo, você pode ir do 10º ao quinto lugar, isso significa que basta uma rajada de vento para mudar as coisas”, enfatizou.

Embora De Meo não esteja descartando totalmente uma entrada nas corridas de endurance no futuro, ele ainda não sente que as novas da classe de Hypercars correspondem ao que a Alpine prevê para sua visão atual do futuro do automobilismo.

“Nas corridas de endurance, conseguimos um bom resultado em Le Mans graças a Philippe Sinault, dono de uma equipe Signatech. Ajudamos ele a desenvolver o projeto e ele subiu ao pódio. Não poderíamos ter sabido disso antes”,  disse ele.

“Estamos pensando em Le Mans. Vai depender muito da evolução dos regulamentos do ACO. Endurance é legal, embora haja um cara que dita as regras e pode decidir se você ganha ou não”. 

“Estamos esperando que eles nos mostrem a imagem das coisas, como elas vão evoluir. Vimos quanto custa, mas não estamos interessados em Hypercars porque não achamos que seja necessário introduzir toda essa tecnologia”, finalizou. 

 

Published
3 semanas ago
Comments
No Comments
Written by Fernando Rhenius
Jornalista formado pela Universidade do Vale do Itajaí - Univali. Mantem o site Bongasat.com.br desde 2009 de forma independente. Acredita que a informação, precisa ser divulgada de forma rápida, para que o leitor possa criar seu ponto de vista, e fugir de ostracismos e "especialistas" que povoam a imprensa automobilística no pais.