Porsche não definiu qual kit aerodinâmico será utilizado em Silverstone

Decisão da Toyota acabou botando pressão na Porsche. (Foto: Adrenal Media)

Decisão da Toyota acabou botando pressão na Porsche. (Foto: Adrenal Media)

As declarações de Neel Jani, cobrando a Porsche sobre a escolha do kit aerodinâmico para a abertura do Mundial de Endurance em Silverstone, repercutiram dentro da equipe. O diretor Andreas Seidl ainda não definiu qual pacote será utilizado na Inglaterra.

Durante os testes oficiais em Monza, tanto Porsche quanto Toyota testaram seus protótipos com alta carga aerodinâmica. Contudo a Toyota já deixou claro que para a primeira etapa do WEC, vai utilizar o kit de alto downforce.

“A coisa interessante será como os dois fabricantes vão empregar seus kits”, disse Seidl. “Quem está usando o que em Silverstone, por exemplo?”

“Em teoria, você poderia vir com o kit de baixo downforce até Le Mans, sacrificar Silverstone, e ter mais tempo para desenvolver um kit de alto downforce e utiliza-lo em Nürburgring”.

Quando perguntado se esta estratégia é algo que Porsche está considerando, Seidl respondeu: “Vamos ver em Silverstone!”

O dirigente afirma que o corte de três para dois kits durante toda a temporada, não alterar os planos nem a operação da equipe. Em 2016, a Porsche utilizou um kit atualizado, que foi utilizado em Nurburgring. A prova foi vencida por Neel Jani, Marc Lieb e Romain Dumas, após a exclusão da Audi.

“Honestamente, eu não acho que é uma grande diferença, porque quando você olha para trás no ano passado, nós tínhamos um downforce alto e baixo”, disse Seidl.

“No ano passado, foi fácil trazer o kit de alto downforce para Silverstone porque fizemos algumas pequenas atualizações sobre o kit aero do ano antes. Nós ainda estamos desenvolvendo os dois kits.

Vasselon, entretanto, confirmou que a Toyota vai estar com alto downforce também em SPA. O terceiro carro da equipe será equipado com o setup para Le Mans. “No momento é o que provavelmente vai acontecer”, disse Vasselon ao site Sportscar365.

O diretor da equipe da Toyota, Rob Leupen, acrescentou que ter um terceiro carro para SPA permitirá que o fabricante japonês experimente ainda mais seu pacote aerodinâmico para Le Mans em junho.

“Em Spa, você teria um carro de teste dedicado para Le Mans”, disse ele. “Isso mudou em relação aos anos anteriores. No entanto, você quer ser bem sucedido no WEC. As possibilidades são maiores. “

Written by Fernando Rhenius
Apaixonado pelo automobilismo, seja ele real ou virtual. Me envolvi com o Endurance há muito tempo e desde 2009 tento, levar um pouco de informação e conhecimento sobre uma das principais categorias do automobilismo.