Rebellion confirma a participação de um carro para o restante do WEC

Pipo Derani deve voltar a equipe somente em 2020. (Foto: Divulgação)

A equipe Rebellion Racing confirmou nesta segunda-feira, 2, que manterá apenas um protótipo R-13, disputando a temporada 2019/20 do Mundial de Endurance. Neste final de semana em Silverstone, a equipe alinhou um segundo carro para Pipo Derani, Loic Duval e Nathanael Berthon. 

De acordo com o dona da equipe, Alexandre Pesci, o segundo carro poderá ser visto somente na etapa de Spa-Francorchamps, em abril e as 24 Horas de Le Mans, em junho. O #1 estará correndo sozinho na etapa de Fuji, Xangai, Bahrein, São Paulo e Sebring. O motivo de competir com apenas um protótipo seria a falta de recursos. 

O #3 chegou na terceira posição em Silverstone, enquanto o #1 que tem o brasileiro Bruno Senna entres os pilotos, enfrentou problemas. O trio não estava qualificado para marcar os pontos dos pilotos em Silverstone e seu resultado também não contou para o campeonato das equipes.

Isso significa que o trio de Ginetta, Egor Orudzhev, Ben Hanley e Charlie Robertson, ocupa o terceiro lugar na classificação dos pilotos, apesar de terminar na quarta colocação.

Published
10 meses ago
Comments
No Comments
Written by Fernando Rhenius
Jornalista formado pela Universidade do Vale do Itajaí - Univali. Mandem o site Bongasat.com.br desde 2009 de forma independente. Acredita que a informação, precisa ser divulgada de forma rápida, para que o leitor possa criar seu ponto de vista, e fugir de ostracismos e "especialistas" que povoam a imprensa automobilística no pais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *