Rebellion confirma a participação de um carro para o restante do WEC

Pipo Derani deve voltar a equipe somente em 2020. (Foto: Divulgação)

A equipe Rebellion Racing confirmou nesta segunda-feira, 2, que manterá apenas um protótipo R-13, disputando a temporada 2019/20 do Mundial de Endurance. Neste final de semana em Silverstone, a equipe alinhou um segundo carro para Pipo Derani, Loic Duval e Nathanael Berthon. 

De acordo com o dona da equipe, Alexandre Pesci, o segundo carro poderá ser visto somente na etapa de Spa-Francorchamps, em abril e as 24 Horas de Le Mans, em junho. O #1 estará correndo sozinho na etapa de Fuji, Xangai, Bahrein, São Paulo e Sebring. O motivo de competir com apenas um protótipo seria a falta de recursos. 

O #3 chegou na terceira posição em Silverstone, enquanto o #1 que tem o brasileiro Bruno Senna entres os pilotos, enfrentou problemas. O trio não estava qualificado para marcar os pontos dos pilotos em Silverstone e seu resultado também não contou para o campeonato das equipes.

Isso significa que o trio de Ginetta, Egor Orudzhev, Ben Hanley e Charlie Robertson, ocupa o terceiro lugar na classificação dos pilotos, apesar de terminar na quarta colocação.

Published
3 semanas ago
Comments
No Comments
Written by Fernando Rhenius
Apaixonado pelo automobilismo, seja ele real ou virtual. Me envolvi com o Endurance há muito tempo e desde 2009 tento, levar um pouco de informação e conhecimento sobre uma das principais categorias do automobilismo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *