Novo Aston Martin Vantage não deve competir nas 24 Horas de Daytona no próximo ano

(Foto: Divulgação)

A nova versão do Aston Martin Vantage GTE, não deve disputar a edição 2019 das 24 Horas de Daytona. A informação foi confirmada pelo presidente da AMR, David King, que vislumbrou em maio uma eventual participação da prova.

Para o dirigente: “No mundo ideal, seria um programa completo como em 2005 e 2006 no American Le Mans Series, este é o sonho. A alternativa seria trabalhar com uma equipe de parceiros em um nível alto”, disse na época.

Os anseios da participação da equipe com o carro que venceu este final de semana, na classe GTE-Pro do Mundial de Endurance, não devem se concretizar.

“No lado do GT3, o carro não é homologado para Daytona”, disse o diretor da equipe, John Gaw, em Xangai, “então não haverá GT3 em Daytona. Nós só temos dois GTEs agora e eles são os que estão no WEC. Então não vamos começar a temporada com certeza. Mas ainda estamos olhando para todas as opções.”

Perguntado se a Aston Martin poderia, portanto, entrar em algumas das últimas rodadas da IMSA, Gaw disse que sim.

Written by Fernando Rhenius
Jornalista formado pela Universidade do Vale do Itajaí - Univali. Mandem o site Bongasat.com.br desde 2009 de forma independente. Acredita que a informação, precisa ser divulgada de forma rápida, para que o leitor possa criar seu ponto de vista, e fugir de ostracismos e "especialistas" que povoam a imprensa automobilística no pais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *