Classe “GTP”, uma das novidades do Mundial de Endurance

Supercarros podem voltar para Le Mans. (Foto: Divulgação)

A FIA divulgou nesta quinta-feira, 07, algumas mudanças do regulamento do Mundial de Endurance 2020-21 será a adoção do design de “supercarros”, conceito já utilizado na antiga classe GTP.

Além do desenho que deve ser semelhante aos carros de produção em série, a redução de custos também sofrerá alterações. A entidade espera uma redução de até 75%, e uma maior liberdade no desenho dos carros.

O presidente da ACO, Pierre Fillon, já tinha levantado tal possibilidade de voltar com algo semelhante aos GTP. Também está em discussão o incentivo na participação de mulheres pilotos.

Maiores detalhes serão apresentados durante a conferência de imprensa em Le Mans, no dia 15 de junho. O Comitê de Endurance da FIA ratificou a duração da etapa de Sebring, que será realizada em 2019. Estão mantidas as 1.000 milhas.

 

 

 

 

 

 

Published
2 anos ago
Comments
No Comments
Written by Fernando Rhenius
Jornalista formado pela Universidade do Vale do Itajaí - Univali. Mandem o site Bongasat.com.br desde 2009 de forma independente. Acredita que a informação, precisa ser divulgada de forma rápida, para que o leitor possa criar seu ponto de vista, e fugir de ostracismos e "especialistas" que povoam a imprensa automobilística no pais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *