Classe “GTP”, uma das novidades do Mundial de Endurance

Supercarros podem voltar para Le Mans. (Foto: Divulgação)

A FIA divulgou nesta quinta-feira, 07, algumas mudanças do regulamento do Mundial de Endurance 2020-21 será a adoção do design de “supercarros”, conceito já utilizado na antiga classe GTP.

Além do desenho que deve ser semelhante aos carros de produção em série, a redução de custos também sofrerá alterações. A entidade espera uma redução de até 75%, e uma maior liberdade no desenho dos carros.

O presidente da ACO, Pierre Fillon, já tinha levantado tal possibilidade de voltar com algo semelhante aos GTP. Também está em discussão o incentivo na participação de mulheres pilotos.

Maiores detalhes serão apresentados durante a conferência de imprensa em Le Mans, no dia 15 de junho. O Comitê de Endurance da FIA ratificou a duração da etapa de Sebring, que será realizada em 2019. Estão mantidas as 1.000 milhas.

 

 

 

 

 

 

Published
10 meses ago
Comments
No Comments
Written by Fernando Rhenius
Apaixonado pelo automobilismo, seja ele real ou virtual. Me envolvi com o Endurance há muito tempo e desde 2009 tento, levar um pouco de informação e conhecimento sobre uma das principais categorias do automobilismo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *