Protótipo LMDh da BMW irá estrear em Daytona

(Foto: BMW Design)

O diretor da BMW Motorsport, Mike Krack, confirmou à imprensa alemã, que o protótipo LMDh, que será lançado em 2023, não acontecerá na primeira etapa do WEC, mas nas 24 Horas de Daytona, em janeiro daquele ano. 

A estratégia do fabricante alemão é focar no mercado norte-americano.  O dirigente afirmou que irá selecionar as corridas que irá competir, tanto no IMSA e no WEC. 

Após um anúncio feito em junho sobre o  retorno a Le Mans para a temporada de 2023 , a BMW surpreendeu com um protótipo com um design futurista, que deverá mudar até o lançamento. O novo carro terá uma competição acirrada, Audi, Acura, Cadillac, Ferrari, Toyota e Peugeot vão competir, com Alpine a seguir em 2024. A estreia está agendada para janeiro de 2023 nas 24 horas de Daytona.

A equipe que dará suporte de pista será o Team RLL. A Dallara será a responsável pelo desenvolvimento do chassi com o apoio da Rebellion Racing. Os protótipos terão um trem de força que compõe um motor elétrico e um a combustão. O motor a combustão vai entregar aproximadamente 470 quilowatts (630 cavalos de potência), enquanto a configuração híbrida fornecida pela Bosch será limitada a 50 quilowatts (67 hp). Combinado, o sistema híbrido total não fornecerá mais de 500 kW (670 HP).

O sistema de baterias será fornecido pela Williams Advanced Engineering enquanto a transmissão será construída pela Xtrac para protótipos que deverão pesar pelo menos 1.030 kg. Os carros da classe LMDh serão imponentemente longos, chegando a 5.100 milímetros (201 polegadas) de comprimento e uma largura máxima de 2.000 milímetros (78,7 polegadas), com uma distância entre eixos fixa de 3.150 milímetros (124 polegadas).

De acordo com os regulamentos para protótipos LMDh, haverá um limite de custo de aproximadamente R$6.392,00 (€ 1.000.000), excluindo o motor. A BMW construirá o primeiro carro de teste na Itália em cooperação com a Dallara, com o objetivo de testar na pista em 2022 de Varano.

 

Written by Fernando Rhenius
Jornalista MTb 6873/SC, formado pela Universidade do Vale do Itajaí - Univali. Mantem o site Bongasat.com.br desde 2009 de forma independente. Acredita que a informação, precisa ser divulgada de forma rápida, para que o leitor possa criar seu ponto de vista, e fugir de "especialistas" que povoam a imprensa automobilística no pais.