Piquet Jr. e Sérgio Jimenez competem pelo Lamborghini Super Trofeo

Lamborghini de Piquet Jr. (Foto: Divulgação)

Após mais de um mês longe das pistas norte-americanas, Piquet Jr retorna ao Lamborghini Super Trofeo, em Laguna Seca, neste fim de semana. O piloto da ANSA Motorsport não participou da etapa de Road America, devido a compromissos pela Stock Car na mesma data.

A etapa de Laguna Seca também marca a volta do primeiro campeão mundial da Fórmula E ao automobilismo no asfalto, após a disputa do Rally do Sertões, o maior da América.

Em sua última participação na categoria, em Watkins Glen, Piquet Jr levou o Lamborghini Huracán Super Trofeo EVO #33 ao quarto lugar, seu melhor resultado da temporada. Laguna Seca é uma pista mundialmente famosa por abrigar grandes competições do automobilismo mundial e pela curva Corkscrew (saca-rolhas), será neste cenário que o brasileiro vai ter a oportunidade de buscar o primeiro pódio da temporada.

“Minha última vez aqui na categoria foi em Watkins Glen e foi a melhor corrida que tivemos na temporada. Espero continuar a evolução junto com a equipe, ainda mais em uma pista tão tradicional como Laguna Seca. Já estava com saudades deste campeonato e não vejo a hora de acelerar”, explicou Piquet. 

A programação do evento prevê dois treinos livres na sexta-feira, no sábado dois treinos classificatórios e corrida 1. No domingo será disputada a segunda prova do fim de semana. As duas provas do Lamborghini Super Trofeo são transmitidas ao vivo pelo www.imsa.com/tv

Jimenez busca nova vitória

Sérgio Jimenez retorna a série buscando mais uma vitória no campeonato. Depois de perder a rodada do último dia 8 de agosto no circuito de Road America, em Elkhart Lake, por conflito de datas com etapa da Stock Car em Curitiba (PR), o paulista retorna à competição neste fim de semana. Laguna Seca será a última corrida em solo americano antes da final mundial do Lamborghini Trofeo, no fim de outubro, em Misano, na Itália.

Em 2020, Jimenez conquistou uma pole position e venceu as duas provas, em rodada na qual, como agora, competiu sem companheiro de equipe. “Fizemos um trabalho espetacular em Laguna Seca no ano passado. É um dos meus circuitos preferidos e um dos mais emblemáticos do planeta. Foi uma pena não ter podido competir em Road America, que também é excelente, mas estou muito motivado por voltar a acelerar um Lamborghini e realmente creio que posso vencer aqui no fim de semana”, salientou.

O autódromo, de visual árido, é conhecido em todo o planeta pela curva do Saca-Rolhas, um S em descida, com desnível de 18 metros entre a primeira e a segunda pernas, o que equivale a um edifício de seis andares. “A curva é fabulosa, você não enxerga nada sobre onde vai sair quando aponta na entrada dela. É uma pista antiga e de difícil ultrapassagem, então precisamos repetir a receita do último ano e começarmos muito fortes já na classificação para sair daqui com resultados positivos, finalizou.

 

Published
2 semanas ago
Categories
Notícias
Comments
No Comments
Written by Fernando Rhenius
Jornalista formado pela Universidade do Vale do Itajaí - Univali. Mantem o site Bongasat.com.br desde 2009 de forma independente. Acredita que a informação, precisa ser divulgada de forma rápida, para que o leitor possa criar seu ponto de vista, e fugir de ostracismos e "especialistas" que povoam a imprensa automobilística no pais.