Ligier apresenta o JS PX

(Foto: Divulgação)

A Ligier Automotive apresentou nesta terça-feira, 07, o JS PX, protótipo exclusivo com uma potência de 825 cv. A expectativa do construtor francês é de um tempo de volta inferior a três minutos e 20 segundos no circuito de Le Mans. 

O Ligier JS PX foi projetado para ser o “protótipo definitivo”, de acordo com o diretor administrativo do fabricante francês LMP2, Pierre Nicolet. Ele não foi homologado para competir nos campeonatos organizados pelo ACO ou IMSA. É o primeiro de uma série de modelos de edição especial que a Ligier planeja lançar para os clientes para atividades e track days e eventos privados. O Ligier JS PX está sendo demonstrado em Portimão esta semana durante uma sessão de teste organizada pela Black Falcon, um dos clientes LMP3 da empresa.

O carro pesa 910 kg e tem uma caixa de câmbio Hewland sequencial de seis velocidades. É movido por um motor V6 biturbo de 3,8 litros preparado pela Ligier, em vez do Gibson V8 comum que é usado por todos os carros da classe LMP2, incluindo o Ligier JS P217.

De acordo com Ligier, o JS PX poderia teoricamente percorrer o circuito das 24 Horas de Le Mans em 3 minutos e 19 segundos com uma velocidade máxima de 346 km / h (215 mph).

Nicolet explicou que o Ligier JS PX comemora os sucessos da empresa na América do Norte durante a temporada 2016 da IMSA em três das quatro principais corridas de resistência, incluindo vitórias em Daytona e Sebring para o Nissan DPi baseado em Ligier com a ESM.

“Com este carro, queríamos comemorar as três vitórias gerais no campeonato americano IMSA WeatherTech SportsCar nas 24 Horas de Daytona, 12 Horas de Sebring e Petit Le Mans em 2016 com o Ligier JS P2”, disse ele.

“Fomos o primeiro construtor desde a Ferrari em 1998 a concluir este hat-trick no mesmo ano. Tínhamos que fazer algo especial! O Ligier JS PX é uma síntese da nossa excelência francesa. É o protótipo de esportes definitivo”. 

“Mostra os elementos das categorias LMP e DPi, que serão substituídos pelos Hypercars, mas sem limitações. Nós nos libertamos de todos os regulamentos existentes. Também utilizamos as habilidades desenvolvidas ao longo de vários anos ao lado de construtores líderes para projetar e construir seus carros-conceito”, finalizou. 

(Foto: Divulgação)

O Ligier JS PX possui estrutura de carbono que inclui ABS, controle de tração e sistemas exclusivos de desempenho do motor para ser adequado para motoristas amadores. Olivier Pla pilotou para a equipe Acura DPi Meyer Shank Racing na IMSA este ano, mas tem grande experiência em máquinas Ligier, e foi responsável pelo desenvolvimento do JS PX.

“Com 825 cavalos de potência, ele acelera muito forte, com muita carga”, disse ele. “O objetivo da Ligier com este modelo era projetar um carro excepcional e, honestamente, além de um carro de Fórmula 1, que não é comparável, não acho que haja nenhum carro no mundo que seja tão rápido em um circuito”.

“Com todos os componentes eletrônicos a bordo, é fácil de pilotar. É adequado para pilotos experientes e cavalheiros que desejam experimentar algo semelhante às 24 Horas de Le Mans em um carro LMP1”, explicou. 

“Este modelo único está no mesmo espírito que alguns dos principais construtores chamam de one-offs, mas reservado para uso recreativo”, disse Nicolet.

“Queremos promover nossa expertise no projeto e fabricação de veículos de alto desempenho e na personalização que podemos oferecer aos nossos clientes para criar sua própria experiência e atender a todas as suas expectativas”, finalizou.

*Com informações da Ligier Automotive. 

Published
7 meses ago
Categories
Ligier
Comments
No Comments
Written by Fernando Rhenius
Jornalista MTb 6873/SC, formado pela Universidade do Vale do Itajaí - Univali. Mantem o site Bongasat.com.br desde 2009 de forma independente. Acredita que a informação, precisa ser divulgada de forma rápida, para que o leitor possa criar seu ponto de vista, e fugir de "especialistas" que povoam a imprensa automobilística no pais.