DragonSpeed testa Oreca 05 na França

Primeiro Oreca 05 a competir nos EUA. (Foto: Divulgação DragonSpeed)

Primeiro Oreca 05 a competir nos EUA. (Foto: Divulgação DragonSpeed)

O primeiro Oreca 05 a competir nos EUA vai dar suas primeiras voltas nesta sexta (13), no circuito de Paul Ricard na França. A DragonSpeed vai alinhar seu LMP2 no ELMS e fará sua estreia nas 12 horas de Sebring em Março de 2016.

A equipe de propriedade de Elton Julian já confirmou Henrik Hedman e Frankie Montecalvo como pilotos. “É importante para Henrik e Frankie passar algum tempo no volante do novo LMP se acostumando“, disse Julian ao site Sportscar365. “A primeira metade da manhã será um shakedown de um carro novinho em folha. Mas nós temos toda a intenção de começar a trabalhar de imediato. Temos as pessoas de Oreca com a gente. Nós vamos ter a oportunidade de escolher os ajustes iniciais.”

Após os testes o carro será enviado para a base na equipe na Flórida para testes em Sebring e Austin. Ele irá correr em Sebring com as especificações da ACO. Apesar das regras da IMSA permitir motores de maior cilindrada. Julian disse que vai permanecer com os 4.5-litros do motor V8 Nissan. “Eu estava dizendo a Henrik isso”, disse Julian. “Segring será como fazer mais do que a metade de uma temporada. Então, quando formos para nossa primeira prova na ALMS teremos uma boa experiência.”

O foco da equipe é a ELMS. A base europeia da equipe será nas proximidades da sede da Oreca na França. Muito provavelmente será nas antigas instalações da JMB Racing. “Eu gosto das seis rodadas da ELMS“, disse Julian. “A adição de SPA ao calendário realmente completa a série.” O terceiro piloto deve ser anunciado em breve.

Published
6 anos ago
Categories
ELMS
Tags
Comments
No Comments
Written by Fernando Rhenius
Jornalista MTb 6873/SC, formado pela Universidade do Vale do Itajaí - Univali. Mantem o site Bongasat.com.br desde 2009 de forma independente. Acredita que a informação, precisa ser divulgada de forma rápida, para que o leitor possa criar seu ponto de vista, e fugir de "especialistas" que povoam a imprensa automobilística no pais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *