Chevrolet deixa de produzir o motor LS7

(Foto: Divulgação)

A Chevrolet anunciou nesta semana que não estará mais comercializando o motor LS7. Ao contrário do Brasil, Nos EUA, você pode comprar diversas opções de motores direto do fabricante. Ele vem completo, basta tirar da caixa e instalar no seu carro. 

A notícia pegou muitos fãs e entusiastas de surpresa. Primeiro, a Chevrolet Performance descontinuou o motor LT5 V8 com de 6,2 litros em setembro do ano passado. Agora, está dando ao poderoso LS7 o mesmo destino. Infelizmente, isso não é uma surpresa, mas ainda é decepcionante. O que é mais chocante é que a versão de cárter úmido, o LS427/570, também está sendo descontinuada. Alguns pensaram que a alternativa menos cara ao LS7 seria oferecida aos consumidores por pelo menos mais alguns anos, mas essa expectativa foi pelo ralo. 

O motor LS7 foi apresentado pela primeira vez no Corvette Z06 e refinado com o Camaro Z/28 de 5ª geração. O motor vendido “separado” tornou-se popular entre os construtores, pois fornece muita potência instantânea em toda a faixa de rotação. Claro, existem motores menores com indução forçada que igualam ou excedem os 505 cavalos de potência e 470 lb.-ft. de torque feito pelo LS7, mas os números de potência não são tudo.

O LS427/570 prometia ainda mais potência com 570 hp e 540 lb.-ft. de torque, graças a um ajuste mais agressivo. Também era mais fácil instalar. A GM não revelou o motivo do encerramento da produção do propulsor.

A Chevy não anunciou nenhum motor substituto. É possível que não haja substituição, pois as ofertas de motores V8 diminuíram nos últimos anos. Oferecendo uma grande variedade de opções, o futuro deste tipo de venda parece incerto. Será que as próximas gerações do motor LS serão elétricos? 

Published
5 meses ago
Categories
Notícias
Comments
No Comments
Written by Fernando Rhenius
Jornalista MTb 6873/SC, formado pela Universidade do Vale do Itajaí - Univali. Mantem o site Bongasat.com.br desde 2009 de forma independente. Acredita que a informação, precisa ser divulgada de forma rápida, para que o leitor possa criar seu ponto de vista, e fugir de "especialistas" que povoam a imprensa automobilística no pais.