WEC divulga regulamentos técnicos da classe LMP1 para 2018

(Foto: FIAWEC)

(Foto: FIAWEC)

A FIA e ACO anunciaram os novos regulamentos técnicos da classe LMP1 na tarde desta sexta-feira,01, no México. Com a saída da Porsche, e uma eminente da Toyota, mudanças para equiparar os custos e principalmente potência, com as equipes privadas, foi o mote proposto pela entidade.

Confira abaixo as principais mudanças:

  • A partir do calendário 2018/2019 haverá uma única classificação para a classe LMP1, deixando de existir a classe LMP1-H e LMP1-L.
  • A partir do calendário 2018/2019 a série pretende alinhar os regulamentos atuais dos protótipos não-híbridos, com os regulamentos atuais dos protótipos que utilizam sistema híbrido. “Cada equipe que entrar na classe LMP1 terá o mesmo potencial, seja privada ou oficial.” Uma pequena mensagem foi inserida após a nova regra: “Muito claramente, sempre haverá uma ligeira vantagem para o motor híbrido em termos de autonomia relacionada com o menor consumo de combustível.”

A nota também deixa claro:

“Os regulamentos para 2020 serão substancialmente alterados em comparação com o modelo apresentado durante as últimas 24 Horas de Le Mans”.

No entanto, ACO e FIA não aceitam críticas de que a  era híbrida do WEC está chegando ao fim, embora não em sua plenitude.

“O ACO e da FIA permanecem sinceramente convencidos de que a tecnologia, incluindo sistemas híbridos deve manter seu lugar de honra em corridas de Endurance, mas não a qualquer preço”, diz a declaração.

“Os orçamentos investidos ao longo destes últimos anos na LMP1 hybrid não são mais sustentáveis e um retorno aos orçamentos razoáveis ​​deve permitir que todos os fabricantes possam competir na série.”

“Nós gostaríamos de agradecer sinceramente Jean Todt, presidente da FIA e Sir Lindsay Owen Jones, Presidente da Comissão Endurance e todos os membros da comissão pelo seu apoio”, disse o presidente da ACO Pierre Fillon.

“Muitas decisões, essenciais para o futuro do WEC, foram feitas em tempo recorde. Com todas estas decisões, estamos confiantes de ver um grid na próxima temporada completa e muito competitivo.”

“Nós já estamos discutindo com vários fabricantes e equipes privadas que estão investigando muito a sério fazer parte do calendário de 2018/2019 na classe LMP1, tendo em consideração que o LMP2 e GTE já são fortes com um elevado nível de compromisso para o futuro.”

Published
8 meses ago
Comments
Comentários
Written by Fernando Rhenius
Apaixonado pelo automobilismo, seja ele real ou virtual. Me envolvi com o Endurance há muito tempo e desde 2009 tento, levar um pouco de informação e conhecimento sobre uma das principais categorias do automobilismo.