WEC–Desempenho dos GTs finalizado.

J5-2012_JulieSueur_ELMS1_Race_002

A ACO divulgou hoje os ajustes dos carros da classe GT para ter um nível de competição razoável e evitar o que aconteceu ano passado com os carros da Ferrari vencendo tudo na classe PRO. As mudanças podem se feitas nos seguintes pontos: Peso, Diâmetro do Flange de admissão, Capacidade do tanque de combustível, altura do Spoiler traseiro  em relação a altura do carro e a abertura entre as aletas da asa traseira.  Abaixo as mudanças por modelo.

Para a categoria LMGTE Pro, o Porsche GT3 RSR (997) e Porsche GT3 RSR (991) receberão um ajuste de peso (-35 kg) a partir da linha de base 1245 kg, e 0,7 milímetros para os dois restritores (28,6 milímetros). As modificações se aplicam à LMGTE Am Porsche 997. O Porsche GT3 RSR (991) também tem uma redução d e-100mm na altura da asa traseira.

A Ferrari F458 Itália receberá também um ajustamento, aplicável tanto na classe Pro quanto na  Am, de peso (-10kg), uma redução de -5 litros na capacidade do tanque de 90 litros de combustível e uma redução de -100mm na altura da asa traseira do teto do carro.

Aston Martin V8 Vantage Racing, irá beneficiar -40 kg de peso, equilibrado com 1,4 milímetros sobre os restritores (28,3 milímetros). Os carros britânicos também receberão uma adaptação para a asa traseira (-10mm) e cinco litros a mais de capacidade do tanque de combustível. Mais uma vez, essas mudanças são aplicáveis ​​para as duas classes.

O Corvette C6R que recebe 5 kg em peso, 1,3 milímetros de diâmetro dos restritores (27,9 milímetros) e uma redução de-25mm na altura da asa traseira do teto do carro.

13-D0004-LMGTE-BOP-Amended-070313-1A6911

Published
7 anos ago
Comments
No Comments
Written by Fernando Rhenius
Jornalista formado pela Universidade do Vale do Itajaí - Univali. Mandem o site Bongasat.com.br desde 2009 de forma independente. Acredita que a informação, precisa ser divulgada de forma rápida, para que o leitor possa criar seu ponto de vista, e fugir de ostracismos e "especialistas" que povoam a imprensa automobilística no pais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *