Rebellion Racing confirma motor AER para o WEC

2014-6-heures-du-Circuit-des-Ameriques-Adrenal-Media-DSC-0091.JPG_hd

A Rebellion Racing confirmou nesta terça-feira (03) a escolhe dos propulsores AER para a temporada 2015 do WEC e Le Mans. Nas duas últimas temporadas a equipe suíça tinha um acordo com a Toyota como fornecedora de motores.

Assim a equipe troca o V8 3.4 litros, pelo V6 biturbo, o mesmo que estreou ano passado pela Lotus.  Por conta da troca de propulsores os testes oficiais em Paul Ricard, bem como a primeira rodada do WEC em Silverstone estão fora dos planos da equipe.

Os dois Rebellion R-One devem aparecer somente às 6 horas de SPA no dia 2 de Maio. Para o diretor da equipe Bart Hayden foi a escolha ideal. “O motor P60 AER tem mostrado boa performance e acreditamos que ele vai se adaptar bem ao R-One.” Disse. “Estamos diante de uma grande quantidade de trabalho para atualizar os carros e por isso não vamos estar em Silverstone.”

Para o diretor da AER Mike Lancaster e um privilégio trabalhar com a Rebellion. “É uma oportunidade fantástica de trabalhar com esta equipe bem sucedida.” Disse. Os pilotos ainda não foram anunciados.

*Fonte: Comunicado de imprensa Rebellion Racing / Foto: Site WEC.
Written by Fernando Rhenius
Jornalista formado pela Universidade do Vale do Itajaí - Univali. Mandem o site Bongasat.com.br desde 2009 de forma independente. Acredita que a informação, precisa ser divulgada de forma rápida, para que o leitor possa criar seu ponto de vista, e fugir de ostracismos e "especialistas" que povoam a imprensa automobilística no pais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *