Rebellion Racing, André Lotterer e Bruno Senna na classe LMP1 em 2018

Equipe pode trocar de classe para 2018/19. (Foto: Divulgação)

Equipe pode trocar de classe para 2018/19. (Foto: Divulgação)

A Rebellion Racing pode voltar a classe LMP1 para a temporada 2018/2019 do Mundial de Endurance. As especulações ganharam peso esta semana, após o site autohebdo.fr, divulgar que além da equipe suíça, André Lotterer e Neel Jani, estariam nos planos para o próximo ano.

Lotterer e Jani foram dispensados pela Porsche, após o cancelamento do programa LMP1. A dupla estaria ao lado do brasileiro Bruno Senna, Mathias Beche e Gustavo Menezes. Thomas Laurent também estariam nos planos da equipe.

Written by Fernando Rhenius
Apaixonado pelo automobilismo, seja ele real ou virtual. Me envolvi com o Endurance há muito tempo e desde 2009 tento, levar um pouco de informação e conhecimento sobre uma das principais categorias do automobilismo.