“Queremos protótipos que vençam em Le Mans e Daytona”, diz presidente do ACO

Acura quer custos baixos. (Foto: Divulgação)

Acura quer custos baixos. (Foto: Divulgação)

O presidente do Automobile Club de I`Ouest Pierre Fillon acredita, que a próxima geração de protótipos da IMSA possam adotar uma base comum com a classe LMP1 do Mundial de Endurance. Tal medida poderia trazer novos fabricantes para o WEC.

“Estamos trabalhando em regras de protótipo comuns”, disse Fillon ao site Motorsport.com. “A ideia de dar aos carros uma identidade da marca começou com os DPi, mas queremos ir mais longe.”

“Nós também queremos reduzir os custos da próxima série de protótipos para que eles não sejam muito diferentes para os DPi”.

A tecnologia híbrida pode ser um ponto desfavorável para os fabricantes que apostaram no certame americano. Também está em discussão a construção dos protótipos pelos próprios fabricantes, e não apenas a motorização como na atual temporada.

“Estamos trabalhando em conjunto com um objetivo compartilhado e uma visão compartilhada de ter um conjunto de protótipos de regulamentos técnicos que permitiriam que os carros competirem pela vitória em Le Mans e Daytona”, disse. “Essa é a parte mais fácil disso – é muito mais fácil dizer do que fazer”.

Para os fabricantes a ideia do protótipo DPi agrada. John Dooan, chefe da Mazda, os atuais regulamentos que vão até o final de 2021, devem ser mantidos sem grandes alterações. “Precisamos ser consistentes e tomar o impulso de que devemos cultivar o esporte em vez de mudar as coisas. Se nós tivéssemos de fazer nosso próprio carro, o valor desapareceria”.

O vice-presidente do desenvolvimento da Honda, Steve Eriksen, cuja operação está por trás do programa Acura DPi em parceira com a Penske, ofereceu uma opinião similar. “Tendo feito nossos próprios carros P1 e P2 e olhando os custos versus o custo de levar o carro de um construtor e fazer as modificações, é muito diferente”, disse ele. ”Parte da razão pela qual esta fórmula DPi tornou-se tão feliz e continuará a ser assim é por causa da atratividade da proposta de valor”.

O ACO espera revelar as regras de 2020/21 durante o final de semana das 24 Horas de Le Mans em Junho.

 

Published
9 meses ago
Comments
No Comments
Written by Fernando Rhenius
Apaixonado pelo automobilismo, seja ele real ou virtual. Me envolvi com o Endurance há muito tempo e desde 2009 tento, levar um pouco de informação e conhecimento sobre uma das principais categorias do automobilismo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *