Protótipos privados mais lentos em SPA

 

(Foto: FIAWEC)

(Foto: FIAWEC)

Protótipos privados estarão mais lentos, durante a abertura do Mundial de Endurance em SPA-Francorchamps. A FIA divulgou nesta quarta-feira, 25, os detalhes do EoT para o circuito Belga.

Todos os modelos não híbridos terão redução na vazão de combustível. Em números exatos a redução chega à 14% menos produção de energia e 6,9 kg a menos na capacidade de combustível. Os números são baseados nos testes, coletivos em Paul Ricard. O Toyota TS050 vai manter a mesma configuração de 2017. O desempenho também do protótipos, também será alterado para SPA, vai passar de 63% para 49% gasolina (MJ/volta).  

Equipes privadas competiram com 54 kg de combustível por stint nos testes oficiais. Para SPA serão permitidos 47,1 kg. O Toyota vai competir com 35,1 kg. O peso permanece inalterado, 833 kg para privados e 878 kg para o Toyota.

A FIA já deixou claro que vai alterar o EoT da classe LMP1 para Le Mans.

Published
1 mês ago
Comments
Comentários
Written by Fernando Rhenius
Apaixonado pelo automobilismo, seja ele real ou virtual. Me envolvi com o Endurance há muito tempo e desde 2009 tento, levar um pouco de informação e conhecimento sobre uma das principais categorias do automobilismo.