Protótipos LMP2 aparecerão menos na IMSA em 2019

Serão oito eventos contra 10 deste ano. Perspectiva de poucos competidores é a causa da mudança

(Foto: IMSA)

Os protótipos LMP2 irão disputar menos etapas na  IMSA em 2019. A entidade divulgou nesta sexta-feira, 07, que os o protótipos que rivalizam com os DPi, estarão em oito etapas, duas a menos do que neste ano.

As provas serão Long Beach e Detroit. A medida não afeta os DPi, que tem dez encontros em 2019. A IMSA que a baixa procura pelos LMP2, motivou as mudanças que podem estimular a classe.

“Com o início da temporada, é importante compartilhar oportunamente essas revisões para que as partes interessadas possam avaliar melhor e planejar com base na estratégia esportiva refinada da classe”, disse o presidente da IMSA, Scott Atherton. “A IMSA continua comprometida em oferecer uma plataforma LMP2 atraente.”

Os pilotos continuaram a disputar o título na classe P. Os pontos tanto dos LMP2 quanto dos DPi, serão computados somente quando estiverem juntos na pista. Os carros terão painéis numéricos específicos, regulamento de pilotos e  permanência dentro do carro.

Até o momento apenas a PR1/Mathiasen Motorsports e Performance Tech devem alinhar modelos Oreca 07. A Dragon Speed participará somente das 24 Horas de Daytona.

Published
1 ano ago
Tags
, ,
Comments
No Comments
Written by Fernando Rhenius
Jornalista formado pela Universidade do Vale do Itajaí - Univali. Mandem o site Bongasat.com.br desde 2009 de forma independente. Acredita que a informação, precisa ser divulgada de forma rápida, para que o leitor possa criar seu ponto de vista, e fugir de ostracismos e "especialistas" que povoam a imprensa automobilística no pais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *