Protótipo AJR bate recorde em Tarumã

AJR #65 de Nilson e José Ribeiro (Bruno Terena/MS2)

O autódromo de Tarumã, um dois mais tradicionais e históricos circuitos do país, tem agora um novo recorde. A bordo de um protótipo AJR fabricado pela Metalmoro, o piloto de Campo Grande José Roberto Ribeiro marcou 56s610, baixando em cerca de nove décimos o recorde anterior da pista, que pertencia ao gaúcho Juliano Moro. Com o resultado, Ribeiro conquistou a pole da prova de três horas de duração, válido pela terceira etapa da temporada 2018 da Endurance Brasil

“O carro já tinha se mostrado muito rápido durante os treinos e, em uma pista de alta, sabíamos que a chance de emplacar a pole era muito grande. Ficamos muito felizes com este novo recorde, mas agora nossa preocupação é poupar equipamento para uma boa estratégia em uma prova de três horas, onde isso é fundamental. Agradeço a Motorcar pelo ótimo motor, e a todo nosso time da NC Racing, que não somou esforços para desenvolvermos o carro, onde já na segunda corrida conseguirmos essa pole-position”, descreveu José Roberto, que obteve a melhor marca da história de Tarumã com uma velocidade média de 193.3km/h. No recorde anterior, obtido por Juliano Moro em outubro do ano passado, a média foi de 190.6km/h.

A primeira fila das Três Horas de Tarumã terá outro protótipo AJR, o #117 de Fernando Fortes, Henrique Assunção e Emílio Padron. A formação do grid deu uma mostra do que será a corrida, com os 10 primeiros colocados sendo fortes candidatos em busca da vitória, com a segunda fila tendo o AJR #88, do piloto da Stock Car, Julio Campos, que faz sua estreia na categoria formando trio com Carlos Kray e David Muffato; tendo ao seu lado a Lamborghini Huracán #19, dos líderes do campeonato de Daniel Serra e Chico Longo.

A Mercedes AMG GT3 #09, de Xandy e Xandinho Negrão, abrem a terceira fila,  com a Porsche 911 GT3 R #70, de Ricardo Maurício; tendo ao seu lado, o gaúcho Miguel Paludo.

Ao todo, cinco categorias, num grid composto por 28 carros aceleram nesse sábado na prova, que terá sua largada às 13h.

Na categoria P2, a pole ficou com o MRX #44 de João Cardoso e Rubens Ghisleni, que fazem sua primeira corrida nessa temporada. Na P3, a posição de honra é do MRX #43 de Gustavo Tomazini e Gustavo Frey. Na classe GT4, Audi RS3 #64 de Henry Visconde e Márcio Basso.  

A Três Horas de Tarumã terá transmissão ao vivo pela internet no site www.endurancebrasil.com e nos canais facebook e youtube @endurancebrasil

Classificatório – Endurance 

 1º)  65 – Nilson Ribeiro/Jose Ribeiro  (AJR, P1), 56.610, média de 193.3 Kmh.
 2º)  117 – H.Assuncao/E.Padron/F.Fortes  (AJR, P1), 57.270
 3º)  88 – C.Kray/D.Muffato/J.Campos  (AJR, P1), 57.724
 4º)  19 – Chico Longo/Daniel Serra  (Lamborghini, GT3), 57.847
 5º)   9 – Xandy Negrão/Xandinho Negrão  (MercedesAMG, GT3), 59.239
 6º)  70 – Miguel Paludo/Ricardo Mauricio  (Porsche 911, GT3), 59.823
 7º)   5 – Tiel Andrade/Julio Martini  (Tubarao, P1), 59.987
 8º)  37 – Stuart Turvey/Thiago Riberi  (Scorpion, P1), 1:00.699
 9º)  18 – C.Ricci/F.Poeta/H.Giacomello  (MCR Lambo, P1), 1:01.179
10º)  155 – Peter Ferter/Ricardo Mendes  (Ferrari, GT3), 1:01.449
11º)  71 – Ian Ely/Daniel Claudino  (MRX, P1), 1:01.994
12º)  35 – Jair Bana/Duda Bana  (Predador, P1), 1:03.065
13º)  80 – Alexandre Finardi  (MRX, P1), 1:03.073
14º)  44 – João Cardoso/Rubens Ghisleni  (MRX, P2), 1:03.304
15º)  75 – H.Assuncao/F.Fortes/E.Padron  (MRX, P2), 1:03.450
16º)  89 – Renato Stumpf/Matheus Stumpf  (Radical SR3, P2), 1:04.033
17º)  32 – Paulo Sousa/Mauro Kern  (MC Tubarao, P2), 1:04.588
18º)  43 – Gustavo Tomazini/Gustavo Frey  (MRX, P3), 1:04.690
19º)  56 – Gustavo Simon/Rafael Simon  (MRX, P3), 1:04.901
20º)   7 – Aldoir Sette  (MRX, P2), 1:05.056
21º)  72 – Carlos Antunes/Yuri Antunes  (MRX, P2), 1:05.429
22º)   3 – Cali Crestani/Fernando Stedille  (Tornado, P2), 1:06.851
23º)  226 – Sergio Cardos/Luciano Borghesi  (Spyder, P3), 1:08.108
24º)  64 – Henry Visconde/Marcio Basso  (Audi RS3, GT4), 1:09.941
25º)  63 – Sergio Ribas/Guilherme Ribas  (MercedesCLA, GT4), 1:10.940
26º)  96 – Alejandro Cignetti  (MRX, P3), 1:13.565

Written by Fernando Rhenius
Apaixonado pelo automobilismo, seja ele real ou virtual. Me envolvi com o Endurance há muito tempo e desde 2009 tento, levar um pouco de informação e conhecimento sobre uma das principais categorias do automobilismo.