Problemas marcam participação de Augusto Farfus em Bathurst

(Foto: Divulgação)

(Foto: Divulgação)

A forte performance apresentada por Augusto Farfus, Marco Wittmann e Chaz Mostert desde os primeiros treinos nas 12 Horas de Bathurst se confirmou na primeira parte da prova de Endurance em um dos mais técnicos circuitos do mundo. Porém, alguns acontecimentos impediram o trio de comemorar um bom resultado neste domingo (03), com um desfecho que não recompensou o bom trabalho do BMW Team Schnitzer.

Após largarem na pole position, ainda no escuro, às 5h45 (horário local na Austrália), Mostert conseguiu abrir boa vantagem na primeira posição, a bordo da BMW M6 GT3 #43. Farfus e seus companheiros mantiveram a liderança durante todo o primeiro terço da prova, por mais de 4 horas. Porém, após uma das intervenções com bandeira amarela, Witmann foi penalizado com um drive-through por queimar a largada, e isso fez com que perdessem terreno. Farfus foi o 3º a assumir o carro, e conseguiu recuperar posições.

O brasileiro estava escalado para o stint final da prova, mas um acidente enquanto Mostert brigava por posições para voltar à briga pela vitória, obrigou o trio a abandonar prematuramente a corrida, apesar de ter consigo chegar aos boxes, pois o carro estava muito danificado para continuar na disputa.

“Começamos muito bem na prova, mas, com o drive-through perdemos a liderança e caímos pro fim do pelotão. Conseguimos recuperar posições e voltar para a briga por um lugar no pódio, talvez até a vitória. Foi uma pena, pois tínhamos um pacote muito rápido e competitivo, e saímos sem nada, mas faz parte do esporte. De qualquer forma, foi um prazer correr aqui em Bathurst, ao lado do Chaz e do Wittmann, novamente com a equipe BMW Team Schnitzer. Dias melhores virão nesta temporada, com certeza, esse é apenas o começo”. Comentou o piloto.

Após os desafios das 24 Horas de Daytona nos Estados Unidos e 12 Horas de Bathurst na Austrália, em duas semanas seguidas, Farfus volta para a Europa, para retomar os trabalhos de preparação para as temporadas do DTM e WEC, ambos os campeonatos que disputará regularmente em 2018.

 

 

 

 

Published
9 meses ago
Comments
No Comments
Written by Fernando Rhenius
Apaixonado pelo automobilismo, seja ele real ou virtual. Me envolvi com o Endurance há muito tempo e desde 2009 tento, levar um pouco de informação e conhecimento sobre uma das principais categorias do automobilismo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *