Porsche com uma corrida difícil em Daytona

M15_0042

A Porsche tentou repetir o feito de 2014 durante as 24 horas de Daytona quando venceu com dobradinha a primeira prova da história do TUSC. Em 2015 a história foi outra e o fabricante alemão acabou enfrentou vários problemas.

O melhor Porsche na prova ficou com a na quinta posição com o #911 de Nick Tandy, Patrick Pilet e Marc Lieb. O segundo carro que compete na classe GTLM o #912 de Jorg Bergmeister, Earl Bamber e Frédéric Makowiecki acabou na sétima posição. A equipe cliente Falken Tire de Wolf Henzler, Patrick Long e Bryan Sellers acabou na oitava posição, mas não completou a prova.

O revés da Porsche começou ainda na segunda volta da prova quando Frédéric Makowiecki teve que retornar aos boxes para a troca do alternador. Com isso o #912 perdeu 6 voltas. Já o #911 guiado por Nick Tandy que largou na oitava posição mas recuperou terreno chegando a liderar e ficar entre os ponteiros.

Durante a noite Earl Bamber com o #912 tentou ultrapassar um dos Aston Martin da classe GTD, perdeu o controle e se chocou com Marc Lieb que guiava no momento o #911. Os dois carros voltaram os boxes e o reparo foi realizado. Mesmo assim o #912 perdeu 18 voltas, enquanto o #911 82 voltas.

Durante a manhã de domingo o #912 chegou a estar em quarto lugar mas com problemas na transmissão a equipe resolveu retirar o carro da prova. Na classe GTD as equipes Alex Job Racing e Patrick Dempsey ficaram respectivamente em segundo e terceiro.

Dr. Frank-Steffen Walliser, chefe da Porsche Motorsprot: “Foi uma corrida muito difícil com um resultado decepcionante para nós. Não há nada para encobrir. Nós não tivemos um bom desempenho em grande parte da prova, mas, infelizmente, não conseguimos transformar isso em um bom resultado. Nós também foram prejudicados por problemas técnicos inesperados. Não podemos culpar os pilotos pelo acidente, coisas assim acontecem. Foi uma pena pois as chances da equipe acabaram ali. O fato dos dois 911 GT América chegarem ao pódio da classe GTD demonstra que as equipes estavam bem estruturadas. Ainda assim, nós deixamos este fim de semana com um sabor amargo. “

*Fonte: Porsche AG / Foto: Porsche AG.

Published
3 anos ago
Categories
24 Horas de DaytonaPorsche
Comments
Comments
Written by Fernando Rhenius
Apaixonado pelo automobilismo, seja ele real ou virtual. Me envolvi com o Endurance há muito tempo e desde 2009 tento, levar um pouco de informação e conhecimento sobre uma das principais categorias do automobilismo.