Peugeot pode retornar ao WEC em parceria com a Oreca

Peugeot abandonou o Endurance por conta dos custos. (Foto: Divulgação)

Ausente de competições de endurance desde 2012, a Peugeot poderia voltar a competir no Mundial de Endurance, fornecendo Hypercars para equipes de clientes, em parceria com Oreca. A Rebellion Racing seria a primeira cliente. 

De acordo com uma publicação do Le Mans Livre, a equipe francesa poderia estar desenvolvendo um programa para a temporada 2021/22 do WEC. Os novos regulamentos para a principal classe de carros da competição permite que fabricantes forneçam sistemas híbridos para equipes de clientes. A Peugeot, entre 2007 até 2011, contava com o suporte técnico da Oreca, que atualmente realiza o mesmo com a Toyota. 

Se o programa realmente existir, ele deve estar “pronto” pelo menos até o final deste ano. A parceria com a Rebellion inicialmente pode estar envolvendo o fornecimento de motores para o R13 LMP1, elegível para a temporada 2020/21. 

Enfrentando uma forte crise financeira, a Peugeot vem competindo no rally Dakar, Rallycross e TRC. Os franceses quase retornaram ao Mundial de Endurance em 2017, mas acabaram desistindo por serem obrigados a ter um LMP1 híbrido. 

Caso se confirme, a Peugeot se juntaria a Toyota e Aston Martin na principal classe do WEC.

Published
1 mês ago
Comments
No Comments
Written by Fernando Rhenius
Apaixonado pelo automobilismo, seja ele real ou virtual. Me envolvi com o Endurance há muito tempo e desde 2009 tento, levar um pouco de informação e conhecimento sobre uma das principais categorias do automobilismo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *