Os desafios do Sigma P1 no VeloPark

(Willian Inacio)

O Império Endurance Brasil vai ao menor circuito do Brasil neste fim de semana para a disputa de sua 3ª etapa da temporada. O palco da prova será o Velopark, em Nova Santa Rita (RS), pista com apenas 2.278m de extensão. Para a equipe Sigma P1, a prova representa a expectativa de conquistar a primeira vitória na categoria P2, que já bateu na trave nas provas anteriores, em Interlagos (SP) e Curitiba (PR). E de estrear o novo carro com construção própria de motor e câmbio, projetado para a classe P1, que reúne os carros mais velozes da competição.

“O Velopark é uma corrida bastante complicada. Por ser uma pista curta, as ultrapassagens são difíceis. Mas acreditamos que com o P2, ao menos, vamos estar bem. Trocamos alguns eixos que tinham uma vida útil que não respeitamos”, avaliou Jindra Kraucher, que competirá nos carros da equipe nas duas principais categorias de protótipos neste fim de semana. “No P1, temos a esperança de fazer a estreia. O Fábio Fogaça adora o Velopark e o Aldo Piedade Jr. não conhece o circuito, mas é um piloto que se adapta rapidamente com facilidade”, frisou.

Piedade, que também estará a bordo das duas máquinas da escuderia no fim de semana, teve sua única experiência na pista gaúcha em 2010, ano da inauguração do circuito dentro do complexo automobilístico. “Fui com a Stock Car acompanhar e cheguei a dar umas voltas. Fiz uma corrida de Copa Montana lá, até que tava indo bem mas acabei batendo. Sei que o circuito mudou, já se passaram 10 anos, então já faz muito tempo”, relembra. “É um circuito que provavelmente muitos carros vão ter problemas com temperatura, pois ali não ventila. Na Stock lembro que havia um problema sério lá de aquecimento de água e óleo”, ponderou o paulista.

Quem está otimista com a prova é Fábio Fogaça, que acelerou no último fim de semana em Cascavel (PR), pela Copa Truck. “Velopark é uma pista que eu gosto. Sempre tive bons resultados lá. A expectativa é que a gente consiga terminar a prova. Óbvio que a performance vamos precisar de mais tempo para evoluir. Seria uma surpresa muito grande o carro logo de cara estar entre os mais competitivos”, afirmou. “Minha esperança é que a gente consiga dar primeiro esse passo da confiabilidade, conversei com os engenheiros e o pessoal trabalhou bastante”, destacou Fogaça, que divide a pilotagem do modelo da classe P1 com Kraucher e Piedade – na P2, o duo terá novamente a companhia do experiente Ney Faustini.

A 3ª etapa do Império Endurance Brasil, no Velopark, terá quatro horas de duração e acontece neste sábado (10). A prova tem largada às 11h30, com transmissão ao vivo pelo canal por assinatura SporTV2 e pelo canal oficial do YouTube da categoria

Published
3 semanas ago
Comments
No Comments
Written by Fernando Rhenius
Jornalista formado pela Universidade do Vale do Itajaí - Univali. Mandem o site Bongasat.com.br desde 2009 de forma independente. Acredita que a informação, precisa ser divulgada de forma rápida, para que o leitor possa criar seu ponto de vista, e fugir de ostracismos e "especialistas" que povoam a imprensa automobilística no pais.