Nissan com tempo próximo dos LMP1-L em COTA

Será que desta vez vai? (Foto: Guetty Imagens)

Será que desta vez vai? (Foto: Guetty Imagens)

Assim como as principais equipes do Mundial de Endurance testaram semana passada em Nurburgring, a Nissan dedicou dois dias com intensos trabalhos no circuito de Austin no Texas.

O controverso GT-R NISMO enfrentou uma maratona de testes sem apresentar grandes problemas. Os pilotos Olivier Pla e Harry Tincknell usaram o Nissan #22 com uma configuração de alto downforce.

Os testes foram sem os sistemas de recuperação de energia. Segundo informações extra oficiais obtidas por integrantes da equipe o melhor tempo foi na casa de 1:59sec. Para termos uma base a pole na edição de 2014 da prova americana obtida pela Toyota foi de 1:49sec.

Devemos levar em conta as condições em que o teste foi feito, mas se baseando apenas em tempos absolutos o GT-R estaria dentro da tolerância de cinco segundos, já que o pole da LMP1-L foi de 1:54.1, obtido pelo Rebellion R-One. Assim o carro nipônico não estaria desclassificado como aconteceu em Le Mans.

Durante os testes foram utilizados novos componentes na suspensão, principal defeito do carro em Sarthe. Ainda segundo fontes do site Racer.com o carro se mostrou “seguro”. A próxima etapa do Mundial de Endurance será na Alemanha, com as 6 horas de Nurburgring marcadas para o dia 30 de Agosto.

Published
2 anos ago
Comments
Comentários
Written by Fernando Rhenius
Apaixonado pelo automobilismo, seja ele real ou virtual. Me envolvi com o Endurance há muito tempo e desde 2009 tento, levar um pouco de informação e conhecimento sobre uma das principais categorias do automobilismo.