Nicolas Perrin desenvolve novo LMP1

LMP deve estrear em 2018. (Foto: Divulgação)

LMP deve estrear em 2018. (Foto: Divulgação)

A Perrinn Limited, de Nicolas Perrini, lançou o esboço de um novo protótipo que pode estar no grid do Mundial de Endurance em 2018.

Nicolas Perrin, que estava desenvolvendo um protótipo híbrido, resolveu se voltar para um LMP sem um sistema mais acessível de recuperação de energia. Perrin, garante que o projeto, demanda recursos para seguir em frente. Um as iniciativas para a captação de recursos é por meio de crowdfunding Nós continuamos o desenvolvimento. O carro evoluiu em vários pequenos detalhes, especialmente para atender às mudanças técnicas. O projeto nunca parou. A temporada de 2018 deve nos ajudar a tornar as coisas mais claras. Os últimos quatro anos não foram propícios para a chegada de novos projetos. Agora que a classe, LMP2 fechou para novos fabricantes, temos de encontrar novas áreas de desenvolvimento.” Disse, em entrevista ao site endurance-info.com.

Para Perrin, as vantagens para uma equipe adquirir um dos seus protótipos é grande. “Três características estão definidas. O projeto tem acesso público, acessível através de código aberto, o que permite oferecer aos nossos clientes um verdadeiro impulso de vendas. A equipe pode, se o desejar, apoiar o desenvolvimento de certas partes, a fim de reduzir os custos.”

“O Perrinn LMP1 está à venda a um preço de 950.000 libras, cerca de 1 milhão de euros. A segunda, temos um produto diferente, que não tem nada a ver com o que é conhecido atualmente com a indústria. Trabalhamos muito pela Internet, o que permite uma rápida divulgação. Em seguida, a opção de um sistema de recuperação de energia acessível. A tecnologia é semelhante aos híbridos. A possibilidade é deixar o LMP entre um carro de fábrica e um privado, certamente entre 4 e 6 MJ. Vamos ver, dependendo dos testes.”

Perrin3

Além do desenvolvimento do novo protótipo, Perrin, também está envolvido com outros setores do automobilismo, como a F1 e o desenvolvimento de um carro totalmente elétrico. “Estamos envolvidos em vários projetos com a Fórmula 1, mas a maior parte de nossa atividade é o NextEV Nio EP9, um carro totalmente elétrico que bateu o recorde de volta para um carro elétrico em Nürburgring e em Paul Ricard. O tempo ficou próximo o de um LMP2.”

Um dos problemas para quem quer investir em um LMP1 privado, é a opção de motores. Até o momento, apenas a AER tem um propulsor totalmente pronto. A Nissan, chegou falar de um motor para a classe, mas nada se confirmou até então. “Várias opções são possíveis. A AER é uma possibilidade, mas temos que ser mais amplos. A Cosworth é capazes de oferecer um bom motor. Acho que podemos encontrar dois outros fabricantes de motores capazes de fazer um bom trabalho para um projeto como este. “

Perrin4

Para o designer, todo o projeto está voltado para 2018. “Vamos agora fazer contato com as equipes. A ideia é que o carro está pronto em 2018. Leva seis meses entre a construção, e colocar o carro na pista. Nós temos a oportunidade de aprontar o carro, ou deixar a escolha para o cliente a fazê-lo. A equipe pode trabalhar no projeto, o que permite desenhos diferentes como visto nos DPi nos Estados Unidos. É para mim o cenário ideal. Economicamente, é muito mais saudável. No entanto, nós podemos projetar o carro na íntegra. Para sair do modelo tradicional porque percebemos que é difícil para as equipas para sobreviver. Open source permite dividir os custos. Suporte ao Cliente irá se desenvolver de acordo com a demanda do cliente. A ideia é criar uma solução diferente.”

Published
3 anos ago
Comments
No Comments
Written by Fernando Rhenius
Apaixonado pelo automobilismo, seja ele real ou virtual. Me envolvi com o Endurance há muito tempo e desde 2009 tento, levar um pouco de informação e conhecimento sobre uma das principais categorias do automobilismo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *