LMS/ILMC 6 horas de Imola–Peugeot ganha e cala a Audi?

J5-JulieSueur_Imola2011_Course_037

A Peugeot se vingou da Audi ao vencer a etapa do ILMC em Imola? Não sei. Claro que vencer uma corrida principalmente uma prova de longa duração é sempre motivo de festa para pilotos e principalmente mecânicos. Mas a forma como a Audi venceu Le Mans este ano vai demorar muito tempo para ser engolido pela equipe francesa.

É sabido que a Peugeot é superior a Audi em provas “pequenas”. Foi assim ano passando quando em todas as provas curtas os franceses ganharam. Este ano a “tradição” estava para ser quebrada em SPA se não fosse pelos erros e toques a Audi teria ganho a corrida facilmente. Em Le Mans o time Alemão foi superior  mesmo com um só carro. E em Imola? A tendência natural das coisas indicaria que a Audi daria um banho na Peugeot mas fatores não deixaram. A surpresa maior foi que durante toda a semana a Audi se gabou por dizer que o novo kit aerodinâmico era infinitamente superior ao usado em Le Mans. Talvez esqueceram de dizer que as longas retas de Sarthe não existem em Imola pela imensidão de chicanes.

J5-JulieSueur_Imola2011_Course_079
Sorte sorriu novamente para a equipe Greaves na LMP2

O primeiro. Os dois carros das 4 argolas são modelos 0KM e mesmo que nasceram bem resolvidos não estavam “amaciados” o suficiente para fazer frente aos modelos franceses. E mesmo com a qualidade inegável dos 4 pilotos eles também não podem fazer mágica. Em segundo a pista. Mesmo ela sendo nova e a grande maioria dos pilotos já tendo competido ali em diversas categorias algumas equipes conseguem assimilar melhor a coisa e outras não. E terceiro a vontade da Peugeot de vencer. Essa “vontade” ficou muito estampada desde os treinos e mais evidente durante a corrida. Mesmo com o #7 tendo um pneu furado os pilotos Sébástian Bordais e Anthony Davidson não tiveram conhecimento dos concorrentes e venceram de forma convincente. O ritmo imposto em nenhum momento foi páreo para os carros alemães. Talvez a maior surpresa ficou pela falta de ação de McNish e Tom Kristensen que acabaram na mesma posição que largaram na 4º posição. Tanto o #1 quanto o #2 acabaram a 1 volta do líder. O quarto motivo sem duvida foi o consumo da Peugeot nitidamente superior ao da Audi algo que não foi possível em Le Mans. O que esperar para Silverstone? Se a tradição foi mantida a Peugeot volta a vencer, mas com suas longas retas… quem sabe. O quinto motivo para muitos supersticiosos foi o fato de Wolfgang Ullrich diretor da Audi não estar no autódromo já que hoje estava acontecendo a etapa da DTM em Norisring bem ou mal sua decisões pesam.

J5-JulieSueur_Imola2011_Course_070
Dobradinha da AF Corse na GTE-PRO

Entre os carros normais movidos a gasolina a dobradinha da Rebellion em 5º e 6º mostra que a equipe está consolidando a posição na P1,2. Esse título até então estava seguro nas mãos da equipe Pescarolo mas com problemas nos freios acabaram em 7º sem qualquer chance de luta. Outra decepção foi pelo hibrido da equipe Mik Corse que não chegou a completar a prova com problemas no motor. Outra equipe que também não se deu bem em terras italianas foi o #15 da OAK Racing que acabou  na 40º posição por problemas elétricos.

Na P2 os prognósticos também não foram cumpridos. A vitória do #41 o Zytek Nissan da Greaves motorsport mostram que a equipe teve uma boa dose de sorte e que o mérito também se deve ao ótimo motor Nissan. Esta é a terceira vitória na temporada. O líder o Oreca da TDS Racing enfrentou problemas e o azarão Lola B11/40 da Level 5 que mostraram uma ótima evolução desde que trocaram o protótipo Coupe pelo Spyder chegaram a liderar a prova mas com apenas a 4º marcha não puderam fazer frente. Em segundo ficou o Signatech Nissan em terceiro o Level 5. O brasileiro Tomas Erdos e seu Acura acabarem em 36º no geral e em 10º na classe. A equipe ainda não se encontrou com o novo carro e deve estar se perguntando se realmente vale a pena vender seu antigo Lola Coupe.

J5-JulieSueur_Imola2011_Course_035
Porsche fatura na GTE-AM

Entre os carros da GTE-PRO vitória do brasileiro Jaime Melo e ToniVilander. Esta foi a primeira vitória do brasileiro em 2011 e só foi possível pelo menor consumo em comparação as 2 BMW que acabaram em 3º sendo esta a de #55 do também brasileiro Augusto Farfus que além do alto consumo foi penalizado com um stop and go em uma das paradas pela quantidade de mecânicos maior do que o permitido, e a de #56 enfrentou problemas no câmbio e ar condicionado. A festa da Ferrari foi completa pelo segundo lugar da Ferrari #51 de Fisichella e Bianmaria Bruni. O melhor Porsche da Ferbermayr Proton ficou em 4º a 2 voltas do líder da classe. A decepção da classe ficou pelos dois abandonos dos Lotus da Jetalliance.

Imola_JMB
#99 da JMB Racing lidera na FLM

Já na classe GTE-AM a Porsche lava alma vencendo com a equipe IMSA Performance Matmut  seguido pelo Porsche da Proton competition e o Corvette da Larbre Competition.

Já na classe FLM a JMB Racing levou a vitória, seguido pela Pegasus e Hope Racing. Como falei ali em cima a próxima etapa será em Silverstone entre os dia 9 a 11 de Setembro. 

O melhor e o pior da prova. (clique nas fotos para ampliar).

J5-JulieSueur_Imola2011_Course_023
Audi – De Caça a caçadora em menos de 1 mês. Se esperou muito do time alemão mas que estava irreconhecível em Imola. Culpa de quem ou a Peugeot evoluiu mais? O novo kit aerodinamico não surtiu efeito e o consumo sua principal arma contra o time Francês desta vez foi pior. Que a reação venha em Silverstone.

J5-JulieSueur_Imola2011_Course_034
Porsche – Este não é o ano do time Alemão. Em nenhum momento fizeram frente a Ferrari e BMW. A vitória na GTE-AM se deu mais pelo conhecimento do circuito do que por um desempenho satisfatório. A Larbre estava a espreita.

J5-JulieSueur_Imola2011_tests_028
HPD das equipes Strakka e RML – As equipes estão penando com o modelo do fabricante Japonês. Segundo as equipes o problema está na falta de suporte devido aos problemas do tsunami do começo do ano. Até a coisa se revolver a a Honda voltar aos seus melhores dias vamos ver as 2 equipes nas últimas posições ou com problemas sérios.

J5-JulieSueur_Imola2011_Course_016
Rebellion Racing – A estrutura da equipe e o apoio da Toyota começa a render frutos. A equipe hoje é a melhor dos protótipos movidos a gasolina. Posto este que já foi da Pescarolo mas que por problemas tanto em Le Mans quanto em Imola deixam o caminho livre para o time suíço. Se tudo estiver bem com a Pescarolo será uma boa corrida em Silverstone com suas grandes retas. 
2011_6_Heures_d'Imola_66_JMW_MOTORSPORT_Ferrari_F458_Italia_PSA_11IMO_VS2_5994_n
O circuito de Imola – As reformas impostas no circuito na entrada da reta dos boxes deixaram uma boa opção para a ultrapassagem no final da reta. Em temos de circuitos sendo mutilados para deixar a coisa mais lenta é bom ver que nem todos os dirigentes pensam como os homens da FIA. Espero que ano que vem a coisa não mude.

Published
7 anos ago
Categories
AudiCERFerrariFLMILMCLMP2LMSLolaOpiniãoPeugeotPorsche
Comments
Comments
Written by Fernando Rhenius
Apaixonado pelo automobilismo, seja ele real ou virtual. Me envolvi com o Endurance há muito tempo e desde 2009 tento, levar um pouco de informação e conhecimento sobre uma das principais categorias do automobilismo.