JDC-Miller Motorsports troca LMP2 por DPi para próxima temporada da IMSA

(Foto: Divulgação)

A equipe JDC-Miller Motorsports que compete na temporada 2018 da IMSA com protótipos Oreca, anunciou nesta quinta-feira, 09, a compra de dois Cadillac DPi para a temporada 2019. A escolha se deu após o regulamento da próxima temporada ter duas classes de protótipos, DPi e LMP2.

“Quando iniciamos nosso programa na IMSA em 2014, sabíamos que nosso objetivo era trabalhar com uma marca como a Cadillac. Acreditamos firmemente que encontramos o melhor parceiro possível e estamos ansiosos para aumentar o incrível sucesso que a Cadillac já desfrutou no IMSA ”, disse o sócio-gerente da JDC-Miller, John Church.

O primeiro protótipo será entregue em setembro, os testes iniciam em novembro, após o término do atual campeonato. “Nós trabalhamos muito duro para chegar a este ponto e eu não poderia estar mais orgulhoso do meu parceiro John Church e todos do nosso grupo e empresa que contribuíram para o nosso sucesso”, acrescentou John Miller, sócio da JDC-Miller MotorSports. “Estes são tempos empolgantes para a nossa equipe, mas acho que provamos no ano passado e nesta temporada que estamos prontos para esta etapa.”

“Felicito a entrada da equipe JDC-Miller para a família Cadillac V-Performance”, disse Matt Russell, gerente de marketing da Cadillac Racing. “O desempenho deles com os carros LMP2 tem sido impressionante e estamos ansiosos para se juntarem ao grid com seus dois novos carros Cadillac DPi-VR em Daytona em janeiro.”

Pilotos serão anunciados nas próximas semanas. O retrospecto da equipe é favorável. Nas últimas três corridas foram dois pódios, incluindo a vitória em Watkins Glen. “Podemos confirmar que Stephen Simpson com certeza permanecerá com a equipe em 2019, já que tivemos a opção de continuar com Stephen, e depois de seu desempenho este ano não houve dúvida de que ele estará na escalação em um protótipos”, acrescentou Church.

Published
4 meses ago
Comments
No Comments
Written by Fernando Rhenius
Apaixonado pelo automobilismo, seja ele real ou virtual. Me envolvi com o Endurance há muito tempo e desde 2009 tento, levar um pouco de informação e conhecimento sobre uma das principais categorias do automobilismo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *