Interlagos Revival 2.0 by Silvano Cangaceiro

Revival20_loading_thumb-25255B1-25255D

O Autódromo José Carlos Pace, popularmente conhecido como Interlagos, já foi bem mais atraente e veloz. Foi inaugurado no dia 12 de maio de 1940 e tinha um traçado de 7.960 km e era extremamente veloz. Sob exigência da FIA, o circuito foi literalmente mutilado em 1989, para receber a F1 no ano seguinte.

A versão aqui retratada é o Interlagos original, com elementos atuais, como prédios, placas publicitárias, e zebras. Um dos destaques é a qualidade da textura do asfalto, e uma inclinação acentuada nas curvas  1, 2 e 3 que lembram um oval.  Outro fator é o grip da pista. Mesmo com carros com pouco arrasto aerodinâmico, pode-se facilmente controlar. Testei a pista com o mod Enduracers com os LMP2, Porsche RS Spyder e Lola B12/80. O primeiro com setup básico e o segundo sem qualquer apêndice aerodinâmico. O carro se mostrou arisco, porém sem interferência da pista. Para quem vai correr provas de longa duração, principalmente a noite a falta de iluminação no circuito é um tempero a mais, visto que a pista é estreita e se deve ter um cuidado redobrado nas ultrapassagens. Abaixo link e fotos.

http://rfactorcentral.com/detail.cfm?id=Interlagos+Revival

rFactor 2014-03-25 20-39-48-60rFactor 2014-03-25 20-39-49-99rFactor 2014-03-25 20-39-52-41rFactor 2014-03-25 20-39-54-74rFactor 2014-03-25 20-40-01-86rFactor 2014-03-25 20-40-04-70rFactor 2014-03-25 20-40-06-46rFactor 2014-03-25 20-40-29-83rFactor 2014-03-25 20-40-39-50rFactor 2014-03-25 20-40-42-71rFactor 2014-03-25 20-41-13-96rFactor 2014-03-25 20-41-31-21rFactor 2014-03-25 20-41-33-38rFactor 2014-03-25 20-42-51-37rFactor 2014-03-25 20-43-09-23rFactor 2014-03-25 20-43-14-53

Published
4 anos ago
Categories
Análise de pistasRfactor
Comments
No Comments
Written by Fernando Rhenius
Apaixonado pelo automobilismo, seja ele real ou virtual. Me envolvi com o Endurance há muito tempo e desde 2009 tento, levar um pouco de informação e conhecimento sobre uma das principais categorias do automobilismo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *