G-Drive vence em Barcelona pelo ELMS

Segunda vitória em três corridas. (Foto: G-Drive Racing)

Sem adversários a G-Drive Racing venceu na tarde deste sábado, 20, a terceira etapa da temporada 2019 do European Le Mans Series, disputada no circuito espanhol da Catalunha. A prova, ao contrário das outras etapas da temporada, foi disputada em sua grande parte, a noite. 

Roman Rusinov, Jean-Eric Vergne e Job van Uitert, assumiram a liderança no começo da prova, com o Aurus #26, durante as primeiras paradas de pit stop. A partir daí nenhum adversário conseguiu superar a equipe russa que cruzou a linha e chegada com a diferença e uma volta para o Oreca 07 #39 da equipe Graff. 

Classificação final ELMS Barcelona

Esta foi a segunda vitória da equipe G-Drive na atual temporada. Rusinov alinhou o LMP em terceiro nos treinos classificatórios, assumindo a liderança com 35 minutos de prova, quando entrou para realizar o abastecimento, durante um período de full course yellow. Na sequência foi a vez de van Uitert assumir o volante do #26, abrindo uma diferença de 40 segundos para os adversários. 

Tristan Gommendy conduziu o Oreca da equipe Graff nos momentos finais da prova, depois de uma ultrapassagem sobre Richard Bradley  que estava no Oreca #30 da Duqueine Engineering. Bradley, que tinha sido o adversário mais próximo de Vergne quando a pista foi liberada após o período FCY ​com pouco mais de uma hora de prova jogo, perdeu o ritmo no final e terminou em quarto. Antonin Borga passou bem no final para garantir o primeiro pódio da Cool Racing. Ele dividiu o Oreca 07 37 com Nicolas Lapierre e Alexandre Coigny.

Bruno Senna que competiu no Oreca da equipe RLR, terminou em 13º.

Disputa acirrada na classe LMP3

Inter EuroPool vence na classe LMP3. (Foto: ELMS)

A Inter Europol venceu na classe LMP3, superando nos momentos finais os dois carros da United Autosport que lideravam na classe.  Martin Hippe e Nigel Moore estavam no Ligier #13

O pole na classe, o #11 da Eurointernational Ligier JS P3 Nissan liderou a maior parte da prova, mas abandonou depois que Jens Petersen bateu na curva 7. Mike Guasch herdou com o #2 da United Autosports Ligier, mas várias mudanças de posição fizeram com que o Inter Europol Ligier ganhasse apesar de cumprir uma penalidade drive-through por um contato na última hora.

Moore fez o lance da corrida com uma investida limpa em cima do brasileiro Thomas Erdos, que também foi ultrapassado por Matthieu Lahaye no Norma M30 #17 da equipe Ultimate, faltando 13 minutos para o fim da prova. Colin Noble no #7 Nielsen Racing Norma ficou em quarto luga.

Ferrari domina na classe GTE

Luzich Racing venceu na classe GTE. (Foto: Divulgação)

A Luzich Racing dos pilotos Alessandro Pier Guidi, Nicklas Nielsen e Fabien Lavergne, venceram na classe GTE. A Ferrari #51 assumiu a liderança na segunda hora de prova, depois de várias trocas de posição entre os ponteiros da classe. 

Pier Guidi cruzou a linha de chegada com uma diferença de 40 segundos para a Ferrari da equipe JMW Motorsports de Jeff Segal e Wei Lu. A Ferrari da A Spirit of Race e a equipe Kessel Racing completaram o domínio do fabricante italiano com o terceiro e quarto lugares, respectivamente. O melhor Porsche aparece na quinta posição, o #56 do Team Project 1.

DKR Engineering vence pela Le Mans Cup 

DKR Enginnering vence mais uma na Le Mans Cup. (Foto: Divulgação)

Pela Michelin Le Mans Cup, prova que abriu o final de semana na Espanha, a vitória ficou com o Norma M30 #3 da DKR Engineering dos pilotos François Kirmann e Laurents Hörr. O Norma da DKR conquistou a vitória depois que o #39 Graff que liderava a prova, recebeu uma punição depois que bateu na Ferrari #51 da Spirt of Race. Horr cruzou a linha de chegada à frente do #2 da Nielsen Racing com uma diferença de 16,8  segundos. O terceiro lugar ficou com o Ligier da United Autosports.

Kessel Racing vence na classe GT3. (Foto: Divulgação)

Na classe GTE a vitória ficou com a Ferrari #8 da Kessel Racing de Sérgio Pianezzola e Giacomo Piccini. O Porsche da Ebimotors assumiu a liderança no começo da prova que teve duas horas de duração, mas acabou penalizado por um drive through. Pianezolla assumiu a liderança entregando o carro ao companheiro de equipe que terminou a prova com uma diferença de 9,2 segundos para o Porsche. Em terceiro a Ferrari da O no8 Kessel Racing FeLuzich Racing.  

Classificação final Le Mans Cup

 

Written by Fernando Rhenius
Apaixonado pelo automobilismo, seja ele real ou virtual. Me envolvi com o Endurance há muito tempo e desde 2009 tento, levar um pouco de informação e conhecimento sobre uma das principais categorias do automobilismo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *