Ford confirma pilotos para as 24 horas de Le Mans

Vão repetir o feito e superar a Ferrari? (Foto: Ford Racing)

Vão repetir o feito e superar a Ferrari? (Foto: Ford Racing)

A Ford confirmou nesta segunda (14), os pilotos que irão representar a marca durante a edição 2016 das 24 horas de Le Mans. Serão quatro Ford GT que estarão presentes em Sarthe no mês de Junho.

Os pilotos Scott Dixon, Harry Tincknell e Billy Johnson completam a lista de pilotos. Johnson vai estar no #66 com Oliver Pla e Stefan Muecke. Tincknell estará no #67 com Andy Priaulx e Marino Franchitti.

Já o Ford #68 terá Dirk Muller, Joey Hand e Sebastien Bourdais. Dixon será companheiro de Richard Westbrook e Ryan Briscoe. “Pela primeira vez eu sou o novato já que esta será a minha primeira Le Mans”, disse Dixon.“Estou animado para fazer minha estreia no Ford GT.”

“Como qualquer piloto é um sonho que se realiza, poder correr em Le Mans e eu não posso esperar para começar. A história da Ford em Le Mans está muito bem documentada e eu estou orgulhoso de ser parte deste programa muito especial.” Finalizou.

Johnson, que foi um dos pilotos que desenvolveu o carro também está animado com a estreia em Le Mans. “Tendo vencido muitas corridas pela Ford e feito parte do desenvolvimento do Ford GT, é realmente uma honra estar competindo no Le Mans.”

O ex-Nissan, Tincknell também vai competir na duas primeiras corridas do WEC como preparação para sua estreia em Le Mans. “Há uma unidade incrível dentro da equipe e todo mundo está animado por estar de volta. Estou muito orgulhoso de fazer parte de tudo isso “, disse ele.

A volta da Ford também marca os 50 anos da primeira vitória em Le Mans com o mítico Ford GT40.

Published
4 anos ago
Categories
24 Horas Le Mans
Comments
No Comments
Written by Fernando Rhenius
Jornalista formado pela Universidade do Vale do Itajaí - Univali. Mandem o site Bongasat.com.br desde 2009 de forma independente. Acredita que a informação, precisa ser divulgada de forma rápida, para que o leitor possa criar seu ponto de vista, e fugir de ostracismos e "especialistas" que povoam a imprensa automobilística no pais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *