Ferrari descarta versão GTE da F8 Tributo

F8 Tributo estará nas ruas a partir de 2020. (Foto: Ferrari)

Uma versão GTE da Ferrari F8 Tributo, sucessora da 488, não está nos planos do fabricante italiano a curto prazo. Competindo desde 2016 no Mundial de Endurance, ELMS e IMSA, a Ferrari 488 GTE recebeu uma versão “Evo” para a temporada 2018/19, com algumas atualizações aerodinâmicas. 

A versão de rua da 488 deve ter sua produção encerrada no final deste ano, enquanto os modelos de pista, tanto o GTE, quanto o GT3, devem perdurar pelos próximos anos. 

Em entrevista ao site Motorsport.com, um porta-voz da Ferrari, argumentou que diversos fatores contribuíram para que o atraso do desenvolvimento do carro de competição, entre eles o ciclo de vida das atuais especificações da classe GTE, que terminarão apenas em 2021. 

Seus concorrentes diretos no WEC já estão com novos modelos. A Porsche lançou na abertura da temporada 2019/20 do WEC um versão atualizada do 911 RSR. A Corvette apresentou durante o final de semana de Petit Le Mans, a versão de competição do C8.R, que estreia nas 24 Horas de Daytona do ano que vem. 

 

Written by Fernando Rhenius
Jornalista formado pela Universidade do Vale do Itajaí - Univali. Mandem o site Bongasat.com.br desde 2009 de forma independente. Acredita que a informação, precisa ser divulgada de forma rápida, para que o leitor possa criar seu ponto de vista, e fugir de ostracismos e "especialistas" que povoam a imprensa automobilística no pais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *