Erros em Road America não irão se repetir na Virgina, garante diretor da BMW

(Foto: Divulgação BMW)

A quase vitória da BMW em Road America última etapa da IMSA, já foi superada. A equipe que disputa neste final de semana a etapa de Virginia nos EUA e Silverstone pelo WEC na Inglaterra, quer realizar uma boa apresentação.

O BMW #25 dos pilotos Connor de Phillipi e Alexander Sims liderava na classe GTLM em Elkhart Lake, quando na última volta tiveram que abandonar por erro durante o abastecimento. Foi constatado que o equipamento que realiza a operação introduziu menos combustível do que o informado.

Sem a presença dos protótipos a classe GTLM será a principal na Virgínia. Em 2017 o #25 chegou em quarto lugar por conta de um furo no pneu, depois de liderar. Para esta corrida as duplas de pilotos não mudam. Connor de Philiipi e Alexander Sims estão confirmados no #25 enquanto Jesse Krohn e John Edwards, no M8 GTE #24.

Para o diretor da equipe, Bobby Rahal, o retrospecto é favorável para a equipe. Nossos resultados na VIR ao longo dos anos foram complicados. Nós nos classificamos bem, mas às vezes tivemos problemas durante a corrida. O ano passado foi uma situação particularmente infeliz para nós, dado que tínhamos a vantagem de conduzir confortavelmente e depois ter um pneu furado a duas voltas do final foi muito decepcionante. Na última corrida em Elkhart Lake, tivemos um carro bastante competitivo, por isso estamos esperançosos pela vitória. Há uma longa sequência de curvas que pode ser bom para nós e também grandes retas, mas é como todas as corridas, será um fim de semana difícil.”

Published
1 mês ago
Tags
, ,
Comments
No Comments
Written by Fernando Rhenius
Apaixonado pelo automobilismo, seja ele real ou virtual. Me envolvi com o Endurance há muito tempo e desde 2009 tento, levar um pouco de informação e conhecimento sobre uma das principais categorias do automobilismo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *