Curiosidades sobre as 6 horas de Austin e do WEC nos EUA

Primeira etapa do Mundial de Endurance foi em Sebring em 2012. (Foto: Getty Imagens)

Primeira etapa do Mundial de Endurance foi em Sebring em 2012. (Foto: Getty Imagens)

A próxima etapa do Mundial de Endurance será no próximo final de semana (20), no circuito de Austin no Texas. A etapa americana acontece desde 2012 (a primeira etapa foi em Sebring), e desde então as provas são realizadas no Circuito das Américas.

Cobertura da edição 2012. 

Cobertura da edição 2013. 

Cobertura da edição 2014.

Abaixo algumas curiosidades sobre as 6 horas:

1 – A primeira corrida do atual Mundial de Endurance foi realizada em Sebring em Março de 2012. Nos anos seguintes por questões de segurança e estrutura a  prova passou a ser feita em Austin.

2 – O evento recebe o nome de  Lone Star Le Mans em 2014. A corrida “6 Horas de Circuito das Américas.”

3 – O evento Lone Star Le Mans apresenta uma rodada do TUSC, e é um dos três finais de semana ‘Super’ endurance do calendário 2015 WEC. Em Silverstone, em abril em parceria com a ELMS e Fuji no Japão em Outubro em parceria com a Asian LMS.

4 – Audi está invicta no Circuito das Américas, na verdade, eles estão invictos nos EUA depois de vencer as 12 Horas de Sebring em 2012. Tom Kristensen / Loic Duval / Allan McNish venceu em 2013 e Marcel Fässler / Andre Lotterer / Benoit Treluyer ganhou no ano passado.

5 – Aston Martin também está invicta após vencer ambas as classes de LMGTE Pro e AM em 2013 e 2014. Na GTE Pro Bruno Senna / Fred Makowiecki venceu em 2013 e Darren Turner / Stefan Mücke ganhou em 2014. Na GTE Am Stuart Hall e Jamie Campbell -Walter venceu em 2013 e Paul Dalla Lana / Pedro Lamy / Christoffer Nygaard ganhou no ano passado.

6 – Oreca está invicta na classe LMP2.  As equipes vencedoras foram a G-Drive Racing e KCMG. Roman Rusinov / John Martin / Mike Conway venceu em 2013 e líder do campeonato LMP2 atual Richard Bradley / Mark Howson, juntamente com Tsugio Matsuda, ganhou no ano passado. Ambos os times correram um Oreca-Nissan – G-Drive com um 03 em 2013 e KCMG um 03R em 2014.

7 – Registros de volta:

LMP1  B. Treluyer  Audi R18 e-tron quattro  1:47.375 com 184.9 km/h em22 de setembro de 2013

LMP2  M. Conway  Oreca 03 – Nissan  1:54.559 com 173.3 km/h em 22 set 2013

LMGTE Pro  K. Kobayashi  Ferrari F458 Italia  2:03.520 160.8 km/h em 22 de setembro de 2013

LMGTE Am  N. Thiim  Aston Martin Vantage V8  2:04.830 159.1km/h em 22 de setembro de 2013

8 – 31 carros do WEC irá competir no Texas, representando 10 nações diferentes – AUT, CHE, DEU, FRA, GBR, HKG, ITA, JPN, RUS, USA

9 – 86 pilotos estarão no grid representando 19 países – são, AUS, AUT, BRA, CAN, che, COL, DEU, DNK, FRA, FIN, GBR, ITA, JPN, MEX, NZL, PRT, RUS, EUA

10 – As 6 Horas de Circuito das Américas é apenas uma das duas corridas noturnas no calendário WEC (excluindo as 24 Horas de Le Mans), a outra, as 6 Horas de Bahrain é realizada em em novembro.

11 – Desde março de 2012, a Audi é a equipe que mais venceu no WEC com 15 vitórias na classe LMP1.

12 – Na LMGTE, a Aston Martin tem 22 vitórias desde março de 2012, com 9 na GTE-PRO e 13 na GTE-AM LMGTE Am em 13

13 – Gianmaria Bruni é o piloto com mais vitórias no WEC, com 11, desde Março de 2012.

14 – Marcel Fassler, Benoit Treluyer e Andre Lotterer ter marcado 10 vitórias desde 2012

15 –  Roman Rusinov é o piloto mais bem sucedido LMP2 desde 2012 com 9 vitórias pela G-Drive Racing.

16 – O Circuito das Américas é o único certificado pela FIA nos EUA.

17 –  O Circuito tem pouco mais de 5.470 km de extensão.

18 –  A construção da pista começou em janeiro de 2011

19 – A faixa tem 20 curvas, sentido anti-horário e é baseado nos  melhores circuitos ao redor do mundo. A principal característica é a primeira curva feita com um grande elevação. As curvas 3 a 6 lembram a curva de Magootts de Silverstone. As curvas 12 e 15 remetem a entrada do estádio do circuito de Hockenheim.

20 – O complexo ocupa 375 acres, e custou 400 milhões de dólares, gerando cerca de 1.700 empregos na construção civil.

Published
4 anos ago
Comments
No Comments
Written by Fernando Rhenius
Apaixonado pelo automobilismo, seja ele real ou virtual. Me envolvi com o Endurance há muito tempo e desde 2009 tento, levar um pouco de informação e conhecimento sobre uma das principais categorias do automobilismo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *