Classificação de pilotos da classe LMP2 se mantém para 2015

2014WECUSA015

A classe LMP2 vai continuar a exigir pilotos profissionais e amadores para a temporada 2015, conforme relatou Vincent Beaumesnil diretor de esportes da ACO. Existia a possibilidade de não exigir pilotos “prata” ou “bronze” para a classe, porém a ideia não foi adiante.

Tal medida também vale para a Asian LMS e ELMS. Os custos com um carro da classe também foram revistos. O valor passa de 370 mil Euros (479 mil dólares), para 450 mil Euros (582 mil dólares).

“Com a chegada dos modelos coupe, o preço subiu para 450 mil euros”, disse Vincent ao site Endurance -Info. “Esta é uma regra que adotamos para 2015 Mas queremos uma redução de 30 por cento nos custos para a temporada 2017. Nós precisamos ter uma abordagem diferente. Não podemos ignorar que o número de carros na classe LMP2 no WEC está baixo este ano, embora o nível da competição ainda é muito alto.” Disse.

Novas equipes estão em negociação para competir no WEC no próximo ano, como a ESM que correu em Austin e a RSR Racing que planeja a compra de um Oreca 03.

Published
5 anos ago
Comments
No Comments
Written by Fernando Rhenius
Jornalista formado pela Universidade do Vale do Itajaí - Univali. Mandem o site Bongasat.com.br desde 2009 de forma independente. Acredita que a informação, precisa ser divulgada de forma rápida, para que o leitor possa criar seu ponto de vista, e fugir de ostracismos e "especialistas" que povoam a imprensa automobilística no pais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *