Classe GTE não terá atualização de BoP para Sebring

6 Horas de Xangai

Etapa da China foi interrompida ela chuva. (Foto: John Rourke / AdrenalMedia.com)

Por conta da chuva que interrompeu a última etapa do Mundial de Endurance no circuito de Xangai, em Novembro, a direção do Mundial de Endurance não vai atualizar o Bop das classes GTE.

As alterações serão as introduzidas na etapa de Fuji, no Japão. O sistema que determina as alterações nos carros da classe é por meio de um sistema eletrônico, com a prova chinesa foi sob forte chuva, não foram computados dados suficientes para balancear os carros para a etapa de Sebring, nos Estados Unidos.

O BMW M8 GTE estará 20 kg mais leve, além de um aumento na pressão de turbo em todas as faixas de RPM.

O M8 também ganha dois litros na capacidade no tanque de combustível. Estas alterações vêm depois de dois quintos lugares nas duas primeiras etapas do WEC. Em contrapartida, o Ford GT fica 18 kg mais pesado e perde pressão de turbo. Já o Porsche 911 RSR ganha 2 kg de peso e um restritor de ar de 0,3mm menor. Todos os carros perdem 1 litro na capacidade do tanque de combustível.

BoP classe GTE

Tanto o Ford GT que ganha 18 kg de lastro, quanto os 20 kg do BMW M8, estão no limite máximo permitido pelo regulamento. Ferrari e Aston Martin não receberam alterações para a prova.

Na classe GTE-AM o Porsche 911 RSR e Aston Martin Vantage GTE ficaram mais pesados, com 10 kg para o modelo alemão e 5 kg para o inglês. O 911 agora está 31 kg mais pesado do que a versão que compete na classe PRO. Ele também ganha um restritor 0,1 mm menor.

Written by Fernando Rhenius
Apaixonado pelo automobilismo, seja ele real ou virtual. Me envolvi com o Endurance há muito tempo e desde 2009 tento, levar um pouco de informação e conhecimento sobre uma das principais categorias do automobilismo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *