ALMS Austin–Corrida fora dos padrões da ALMS coroa mais uma vitória da Muscle Milk

s1_1_thumb-25255B3-25255D

Assistir os carros da ALMS correndo no Circuito das Américas foi estranho. Acostumado a ver os carros em pistas esburacadas, apertadas foi no mínimo inusitado por conta de um traçado tipicamente europeu e os pilotos não desapontaram o público. Acredito que esta foi uma das poucas provas da história da categoria que não teve uma bandeira amarela sequer, e muito se deve a estrutura da pista com áreas de escape asfaltadas o que possibilitou um retorno rápido a pista depois de uma escapada.

Se o aspecto em torno do circuito mudou e muito a cara da ALMS o primeiro lugar no geral foi o mesmo de sempre. O #6 da equipe Muscle Milk da dupla Lucas Luhr e Klaus Graf tiveram a prova mais fácil de suas vidas sem qualquer problema com adversários e o tráfego, tanto que acabou duas voltas a frente do #16 Lola da equipe Dyson Racing. O DeltaWing que chegou a marcar o melhor tempo nos treinos fez uma corrida tranquila e acabou em terceiro na classe e em 29º no geral e segue firme e forte para a próxima etapa em Virginia.

Dobradinha tranquila da equipe Level 5 com a vitória do #551

Dobradinha tranquila da equipe Level 5 com a vitória do #551

Na classe LMP2 uma dobradinha da equipe Level 5 com o #551 em primeiro da dupla Tucker e Briscoe e #552 que também conta com Tucker ao volante com Franchitti e Cosmo. Terminaram uma volta a frente do terceiro colocado o #02 da EMS com Scoot Sharp e Anthony Lazzaro. Se esperava uma disputa mais acirrada entre os carros da classe LMP2 pelas condições iguais em termos de equipamento e pela qualidade da pista mas já na largada o os dois carros da Level dispararam e o tráfego e problemas com os rivais acabaram minando qualquer disputa.

Entre os Oreca FLM 09 da classe LMPC, vitória do #8 da equipe BAR1 Motorsports da dupla Kyle Marcelli e Chris Cumming. Em terceiro o #52 da equipe PR1 Mathiasen Motorsports de Mike Guasch e Dane Cameron. Em terceiro o #05 da equipe Core Motorsports de Jonathan Bennet e Tom Kimber-Smith. O brasileiro Bruno Junqueira da RSR Racing acabou em 6º a  uma volta do líder da classe.

Covette segurou pressão de BMW e Viper e venceu com #3

Covette segurou pressão de BMW e Viper e venceu com #3

A disputa sempre atraente na classe GT nos brindou com belos pegas desde as primeiras voltas. A disputa entre a equipe Corvette com seus dois carros e o Viper da equipe SRT foram intensos mas a dupla do carro #3 Jan Magnussen e Antonio Garcia soube suportar a pressão dos companheiros de equipe Oliver Gavin Tommy Milner que acabaram abandonando por conta de problemas mecânicos e do Viper #93 dos pilotos Jonathan Bomarito e Kuno Wittmer que nas voltas finais travaram uma bela disputa roubando o segundo lugar do BMW #56 que tentava chegar na primeira posição mas com um desgaste acentuado nos pneus acabou não suportando e acabou cedendo a posição. A disputa durou até a ultima curva entre o Corvette #3 e o Viper #93 culminando com a vitória do carro amarelo.

#8 da equipe BR1 vence na LMPC

#8 da equipe BR1 vence na LMPC

Os equipes com modelos Ferrari e Porsche tiveram corridas discretas e em nenhum momento foram fator na classe. O Porsche #06 da Core Motorsports que ano que firmou parceria com a Porsche Nort América para alinhar de forma oficial dois 911 acabou tendo problemas e também abandonou. Os 5 primeiros lugares na classe foram conquistados por carros com motor dianteiro. Seria uma tendência para 2014?

Boa disputa nas voltas finais coroa o bom trabalho da equipe TRG com o #66

Boa disputa nas voltas finais coroa o bom trabalho da equipe TRG com o #66

Na classe GTC o pega durou também até as últimas voltas entre o #66 da equipe TRG e o #30 da equipe NGT com manobras ousadas Damien Faulkner usou a pista além das áreas de escape para superar o #30 pilotado por Sean Edwards. Um belo pega que muitas vezes é mascara pela geração de TV que prefere dar prioridade as classes importantes. Em terceiro o #27 da equipe Dempsey Del Pierro Racing com Patrick Dempsey e Andu Lally

Se o WEC tiver a emoção que teve hoje a ALMS a corrida amanha promete.

Classificação final.

Published
5 anos ago
Categories
2013ALMSCorvetteDelta WingFerrariMazdaOrecaPorscheUnited SportsCar RacingViper
Comments
No Comments
Written by Fernando Rhenius
Apaixonado pelo automobilismo, seja ele real ou virtual. Me envolvi com o Endurance há muito tempo e desde 2009 tento, levar um pouco de informação e conhecimento sobre uma das principais categorias do automobilismo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *