A classe GTD para o Weathertech SportsCar em 2016

Muitas novidades para 2016. (Foto: IMSA)

Muitas novidades para 2016. (Foto: IMSA)

Os atuais GT Daytona (GTD), também passarão por mudanças em 2016. A IMSA vai seguir as especificações “FIAGT3” e assim qualquer carro que competir no certame americano poderá correr no Pirelli Word Challenge ou qualquer campeonato GT3 do mundo.

Entradas confirmadas:

Alex Job Racing –  Foi a primeira a confirmar seu programa com 2 novos Porsche 911. Cooper MacNeil e Leh Keen são confirmadas no #22 e Mario Farnbacher e Ian James no #23. (2 carros)

Paul Miller Racing –  A equipe que compete com Porsche e Audi vai alinhar o novo Lamborghini Huracán GT3 no próximo ano. Motoristas serão anunciados nos próximos dias. (1 carro)

Black Swan Racing –  Tim Pappas volta a IMSA com o novo Porsche 911 GT3-R, em dupla com Nick Catsburg. (1 carro)

Change Racing –  Estreia com o novo Huracán. Pode ter um segundo carro que deve ser pilotado pelos campeões do Lamborghini Super Trofeo. (1-2 carros)

O’Gara Motorsport -  Outra estreante. Bill Sweedler e Townsend Bell estarão pilotando um Lamborghini. (1 carro)

Turner Motorsport –  esquadrão de Will Turner vai estrear o novo BMW M6 GT3. Michael Marsal é um dos pilotos. Um segundo carro é provável para Daytona, e corridas esporádicas. (1-2 carros)

Magnus Racing –  A equipe de John Potter volta mas não se sabe com qual carro. (1 carro)

Entradas prováveis:

Park Place Motorsports – Deve voltar com o novo Porsche 911 GT3-R pilotado por Patrick Lindsey. (1 carro)

TRG – Planeja o retorno para o próximo ano. Rumores apontam que pode não ser com um Aston Martin Vantage, por conta da falta de uma parceria oficial da AMR com a IMSA. (1-2 carros?)

Lexus  -.Fabricante deve alinhar com um programa de fábrica o novo Lexus RC F GT3 que deve ser apresentado oficialmente no próximo mês no SEMA. Paul Gentilozzi que parece ser o principal candidato para conseguir o acordo de vários anos com o fabricante. Se realmente entrar será durante o ano e não em Daytona. (2 carros)

Possíveis / parcial entradas na temporada:

Scuderia Corsa –  O esquadrão de Giacomo Mattiol pode ir para a classe GTLM ano que vem vem, embora pelo menos um programa parcial na GTD é quase uma certeza. Deve começar o ano com a Ferrari F458 enqunato a nova 488 GT3 não fica pronta. (1-2 carros)

Riley Motorsports –  A decisão sobre o programa de Ben Keating  ainda está pendente, com o texano pensando em um programa GTE no WEC com os antivos Viper. De qualquer forma, as versões GT3 podem estar sendo alinhadas em Daytona para uma temporada completa. (1-2 carros)

Lone Star Racing - Após a sua estreia série em COTA este ano, a equipe de Dan Knox está planejando um esforço parcial com seu Dodge Viper GT3-R para 2016. (1 carro – temporada parcial)

Konrad Motorsport - Franz Konrad vai pilotar um Lamborghini GT3 Huracán para Daytona, Sebring e muito provavelmente as demais etapas do Tequila Patron North American Endurance Cup. (1 carro – NAEC)

AIM Autosport –  Até dois GT3s Nissan GT-R NISMO poderiam estar no grid. Ian Willis, que já confirmou um retorno ao World Challenge. (1-2 carros – temporada parcial)

GB Autosport -  A equipe de Michael Avenatti está atualmente avaliando opções GT3 para o próximo ano, o que poderia resultar em um programa completo ou parcial de temporada, ao lado de uma potencial entrada no WEC na classe GTE-AM. (1 carro?)

Flying Lizard Motorsports –  Devem voltar no próximo ano, porém não existe definição ainda com qual carro. Audi, Porsche e McLaren estão sendo consideradas. (1-2 carros?)

DragonSpeed ​​- O esquadrão liderado pelo Julian Elton pode participar de corridas selecionadas no próximo ano. Testa em novembro o Mercedes-Benz SLS AMG. No entanto, o carro não pode correr por conta da Mercedes não ser um parceiro da IMSA. (1 carro?)

Wright Motorsports - A equipe de John Wright trocou a IMSA pelo Lamborghini Blancpain Super Trofeo. Podem competir com um novo carro. (1 carro?)

Stevenson Motorsports - Campeões da Rolex podem voltar a IMSA depois de uma parceria com a GM. O Cadillac ATS-VR pode ser o carro escolhido. Johnson Mike espera voltar de forma parcial neste primeiro momento. Participar da Continental Tire SportsCar ainda é o foco. (1 carro?)

Compass360 Racing - equipe de Karl Thomson comprou os primeiros Audi R8LMS da equipe Flying Lizard Motorsports após a sua última partida no TUSC em Austin. Um novo Audi R8 LMS faria mais sentido, mas não parece provável, dado o foco atual da equipe em programas Audi, tanto na classe Continental Tire SportsCar Desafio ST (Audi S3) e no Desafio Mundial (Audi TT-RS) Possível, mas improvável que isso aconteça nesta fase. (1 carro?)

Muehlner Motorsports América - Não houve nenhuma palavra sobre as perspectivas desta equipe desde um teste com o  Porsche 911 GT América em Lime Rock em maio. (1 carro?)

Published
2 anos ago
Tags
,
Comments
Comentários
Written by Fernando Rhenius
Apaixonado pelo automobilismo, seja ele real ou virtual. Me envolvi com o Endurance há muito tempo e desde 2009 tento, levar um pouco de informação e conhecimento sobre uma das principais categorias do automobilismo.