1000 milhas de Sebring sofre alterações para 2019

(Foto: FIAWEC)

(Foto: FIAWEC)

A direção do WEC divulgou nesta quarta-feira, 04, alterações para a sexta etapa da “super-season” 2018/2019, as 1000 milhas de Sebring. Originalmente programada para ter 1.500 milhas, a prova terá 1000, ou no máximo 8 horas de duração, além de uma área de pits exclusiva.

Marcada inicialmente para ser realizada após as 12 horas de Sebring, válida pela IMSA, a prova do WEC passará a ser executada na sexta-feira, 15 de março. As equipes utilizarão boxes recém-instalados na curva Ulmann Straight, evitando conflitos com as equipes da IMSA.

Apenas o paddock será usado pelas duas séries. Tais mudanças ocorreram após uma vistoria do CEO do WEC, Gerard Neveu no circuito em março. “Todos participaram da reunião com a disposição de encontrar uma solução que funcionasse bem para todos nós, sabendo que seria necessária alguma flexibilidade em ambos os lados, e os pontos-chave, como o cronograma e o pit lane e o paddock, foram aceitos rapidamente”, disse Neveu.

“Gostaríamos de agradecer sinceramente a Scott Atherton e toda sua equipe na IMSA, Wayne Estes e sua equipe em Sebring pela cooperação, flexibilidade e atitude positiva que demonstraram ao longo do fim de semana.”

“Recebemos uma calorosa recepção, tivemos muitas reuniões na Flórida e muitos dos problemas logísticos já foram suavizados para a visita do WEC no ano que vem”. Concluiu

Detalhes sobre o programa completo de fim de semana e séries de apoio ainda não foram anunciados.

 

Written by Fernando Rhenius
Apaixonado pelo automobilismo, seja ele real ou virtual. Me envolvi com o Endurance há muito tempo e desde 2009 tento, levar um pouco de informação e conhecimento sobre uma das principais categorias do automobilismo.